X

Brasil conquista títulos no Pan-Americano em Aruba

Terça, 12 de novembro 2019 às 12:15:15 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

No último final de semana o Beach Tennis brasileiro alcançou um feito inédito sob o comando do treinador italiano Alex Mingozzi, que levou a seleção a duas temporadas subindo em todos os pódios ITF que disputou.



O feito veio após o Brasil chegar a todas as finais com disputas entre brasileiros no Pan-Americano de Aruba, garantindo assim o ouro e prata na disputa simples feminina e masculina e na mista. No feminino, Joana Cortez e Rafaella Miiler venceram Flavia Muniz e Marcela Vita (6/2 e 6/1). No masculino, André Baran e Vinícius Font derrotaram Marcus Vinicius Ferreira e Thales Santos (7/5, 5/7 e 6/4). Nas duplas mistas, Rafaella Miiller e André Baran foram campeões em cima de Joana Cortez e Vinícius Font (6/0 e 6/4).

Com esses resultados a seleção brasileira chega a segunda temporada marcando presença em todos os pódios categoria ITF, foram dois títulos mundiais por equipe (2018 e 2019), campeões do Pan-Americano de Aruba (2018 e 2019), Campeões dos Jogos Sul-Americanos de Praia e nos Jogos Mundiais de Praia em Doha, conquistaram quatro medalhas, todos esses resultados sob o comando de Alex Mingozzi, que se diz muito feliz com esse feito inédito. 

“Esse ano chego a duas temporadas como técnico da seleção brasileira e até hoje conseguimos estar no pódio de todos os torneios ITF, que é um resultado totalmente inesperado pra mim. Era um sonho que agora é realidade. Foram dois anos intensos de vários desafios e pra mim é muito satisfatório, estou muito feliz com esse feito. Agradeço muito os jogadores pelo desempenho que foi sensacional, com muito respeito, dedicação.”

O Pan-Americano de Aruba, encerra a temporada da seleção brasileira de Beach Tennis 2019. 2020 será um ano de mais desafios para a equipe verde e amarela, o capitão Alex Mingozzi já começa a avaliar possíveis mudanças e como trabalhará com o Brasil. 

“Agora em 2020 vamos para novos desafios, que seria interessante tentar em começar a pensar na nova geração, não conclui um ciclo aqui, mas é interessante começar a pensar no futuro, a inserir alguns jogadores na seleção profissional. Obviamente se os jogadores mais velhos continuarem nesse nível, será difícil tirar eles da equipe, mas tudo é possível. Vamos avaliar e começar a pensar na próxima temporada.”

 

banner
banner