X

Yastremska tem ataque de ciúmes após treinador elogiar Osaka

Quarta, 26 de agosto 2020 às 13:24:20 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

A ucraniana Dayana Yastremska não gostou nada que seu treinador, o alemão Sascha Bajin elogiasse sua algoz nas oitavas de final do WTA Premier de Cincinnati, a japonesa Naomi Osaka, e teve uma "crise de ciúmes" pública através do Twitter.



Bajin, que foi responsável pelo grande ano de Osaka em 2018, tirando a tenista da entrada do top 30 para o número 1 do mundo com títulos iniciados no WTA Premier de Indian Wells daquele ano, o US Open daquele ano e o Australian Open 2019, quando a parceria foi rompida.

Dali, o treinador trabalhou por seis meses com a francesa Kristina Mladenovic, a devolvendo ao top 40 da WTA, e passou a trabalhar com a jovem ucraniana em setembro do ano passado.

Sascha Bajin utilizou sua conta pessoal no Twitter para parabenizar Osaka pela vitória: "Parabéns a Naomi Osaka e sua equipe. Ela foi a melhor jogadora em quadra hoje e boa sorte no restante do torneio". Yastremska não se aguentou e respondeu a mensagem publicamente: "Sempre pensei que eu permaneceria a melhor em quadra aos seus olhos, mesmo que perdesse". O treinador não fugiu de sua opinião e contestou a pupila: "Claro que você é. Ela apenas foi melhor aquele dia e vamos tentar superá-la da próxima vez".

banner
banner