X

Natan Rodrigues enfrenta suíço baiano na semi do Bahia Juniors

Quinta, 28 de setembro 2017 às 21:28:24 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

E a Bahia segue firme em busca do título da categoria principal da 33ª edição do Bahia Juniors Cup terceiro mais valioso evento do Brasil, maior do Norte/Nordeste e conta com 220 atletas de nove países de 18 até 9 anos de idade. O torneio tem entrada gratuita ao público e é jogado no piso rápido do Clube Bahiano de Tênis.



Em mais uma noite repleta de público na quadra 1 do Centenário clube de Salvador (BA), o tenista da casa Natan Rodrigues usou o axé baiano mais uma vez para derrubar mais um favorito eliminando o terceiro cabeça de chave, o paulista Diego Padilha, por 2 sets a 0 com parciais de 6/3 6/2. Foi o terceiro jogo do tenista no torneio e a terceira vitória com sobras, passando em dois sets.

"Não esperava esta semifinal, mas pelo tênis que venho jogando, taticamente perfeito, sem errar, venho conseguindo essas vitórias", comemorou o tenista de 15 anos que joga sua terceira competição na categoria mundial até 18 anos, sua primeira no Brasil e mais importante: "O placar não diz o que foi a partida, os games foram muito apertados, várias igualdades, basicamente uma quebra decidiu cada set, mas o fator importante foi meu serviço outra vez".

O tenista chegou na capital baiana em cima de sua estreia na terça-feira após a disputa do Mundial na categoria 16 anos, a Copa Davis juvenil. Chegou no mesmo dia vindo de Budapeste, na Hungria, em voo que durou um dia inteiro e na parte da noite já fazia sua primeira partida: "Sem dúvida esse Mundial foi super importante para poder jogar um excelente tênis com os treinos que tive por lá. Estou um pouco cansado, mas hoje consegui descansar bem e agora é descansar mais para buscar essa vaga na final".

Seu adversário por vaga em sua primeira final na carreira será diante do suíço baiano Aaron Schmid, segundo favorito, que derrotou o brasileiro Rodrigo Carvalho por 4/6 6/2 6/2. Schmid tem mãe baiana e pai suíço, vive em cidade próxima a Lausanne no país europeu, mas está pelo menos duas vezes por ano em Salvador na casa de sua mãe em Itapoan e onde mora sua avó.

"Hoje só fiquei focado, minha cabeça estava ponto a ponto e buscando ir para as bolas, no primeiro set ele estava indo para as bolas e eu não, mas depois fiquei positivo, mais agressivo, lutei cada ponto, mostrei a ele que seria muito duro me derrotar, minha atitude estava muito boa, meu nível não estava muito bom, saque não entrava, não ganhava pontos de graça, meu oponente estava muito bem hoje, backhand, forehand, estou feliz pela vitória".

Sobre o duelo semifinal, Schmid destacou: "Quero melhorar meu nível amanhã, estar mais positivo de jogar melhor e buscar a final. Está sendo uma semana incrível, pessoas aqui muito legais, torcendo por mim, estou muito feliz, gostando de tudo".

A semifinal de Natan x Schmid está marcada para às 18h e a primeira semi será entre o pernambucano máximo favorito, João Lucas Reis contra o brasileiro que nasceu e morou em Quito, no Equador, até os 12 anos, Mateo Reyes, que tem 16 anos de idade. Este duelo começa às 16h.

Brasil x Portugal e duelo Sul-Americano nas semis do feminino a partir das 11h - As meninas entram em quadra primeiro nesta sexta-feira e o Brasil mantém esperanças de título com a paranaense Nathália Gasparin, principal favorita. Ela reedita duelo de segunda rodada ano passado contra a portuguesa Rebeca Silva, algoz da baiana Maria Menezes a partir das 11h na quadra principal do Clube Bahiano de Tênis. Na quadra 2, ao mesmo tempo, teremos o confronto entre a boliviana Isabela Ciacanglini e a peruana Romina Ccuno, segunda cabeça de chave.

Não antes das 14h três das semifinalistas de simples decidem nas duplas. Rivais pela manhã, Gasparin e Silva se unem para buscar o título contra Ccuno e a brasileira Thaís Andreotti. Gasparin é a atuall vencedora de duplas e joga o Bahia Juniors Cup pelo terceiro ano seguido.

Baiana decide nos 16 anos a partir das 11h30 - A baiana Thainá Carvalho busca o troféu na categoria 16 anos a partir das 11h30 na quadra 7 diante da tenista de Niterói (RJ), Isabela Mercante. A sexta marca a final feminina nos 14 anos entre Carolina Xavier e Valentina Santos e define os finalistas do masculino nas duas categorias a partir das 10h.

Tradição de revelar grandes talentos. Gustavo Kuerten já disputou torneio e fez final contra baiano - O Bahia Juniors Cup tem tradição de revelar grandes talentos do esporte do país. Pelo evento, que acontece desde 1985, já passaram nomes como Gustavo Kuerten, campeão na categoria 16 anos derrotando no terceiro set o baiano Duda Catharino Gordilho, Fernando Meligeni, Teliana Pereira, o atual número 1 do mundo e campeão de Wimbledon, Marcelo Melo Jaime Oncins, Flavio Saretta, André Sá, entre outros.

Ano passado os dois campeões foram brasileiros, Thiago Wild e Thaísa Pedretti, e fizeram bons papeis nos Grand Slams em 2017. Wild fez quartas em Roland Garros, ganhou importante torneio na Itália, em Santa Croce, e fez semi de duplas do US Open se consolidando entre os 20 melhores juniores do planeta e Pedretti passou rodada em Wimbledon entrando no top 50 da categoria. Participante em 2015, Felipe Meligeni foi campeão de duplas do US Open ano passado e campeão Sul-Americano na Argentina, e hoje já soma seus primeiros pontos no profissional assim como Wild e Pedretti.

Resultados desta Quinta-Feira na categoria principal, 16 e 14 anos (28/09):

Masculino - 18 anos - Quartas de Final

(1) João Lucas Reis (BRA) 2x0 Rafael Marques (BRA) 6/2 6/4

(2) Aaron Schmid (SUI) 2x1 Rodrigo Carvalho (BRA) 4/6 6/2 6/4

(8) Mateo Reyes (BRA) 2x0 (4) Boruch Skierkier (ARG) 7/6 (7/3) 6/1

Natan Rodrigues (BRA) 2x0 (3) Diego Padilha (BRA) 6/3 6/2

Categoria 16 anos

Semi Final - Feminino

Thainá Carvalho (BRA) 2x0 (1) Giovanna Jallas (BRA) 6/4 6/0

Isabella Mercante (BRA) 2x1 (4) Livia Cavalcante (BRA) 3/6 6/2 6/1

Quartas de Final - Masculino

(1) Bryan Aguiar (BRA) 2x0 Gustavo Schhwebel (BRA) 6/1 6/3

(2) Joaquim de Almeida (BRA) 2x0 Diogo Farias (BRA) 6/1 6/0

André Souza Pinto (BRA) 2x1 Gabriel Generoso (BRA) 3/6 7/6 (8/6) 6/4

João Duleba (BRA) 2x0 (4) Lucca Pinto (BRA) 6/2 6/2

Categoria 14 anos

Quartas de Final - Masculino

Victor Alves (BRA) 2x0 Leonardo Bastos (BRA) 6/0 6/2

Guilherme Malta (BRA) 2x1 Augusto Santos (BRA) 4/6 7/6 (8) 6/3

Murilo Antunes (BRA) 2x1 Pedro Cardoso (BRA) 5/7 6/2 6/1

Luis Santana (BRA) 2x0 Gabriel Barbosa (BRA) 6/3 7/5

Semi Final - Feminino

Valentina Santos (BRA) 2x0 Isabel Ibrahim (BRA) 6/2 7/6 (7/4)

Carolina Xavier (BRA) 2x1 Valentina Silva (BRA) 7/5 0/6 7/5

Programação Sexta-Feira (29/09):

Quadra 1

11h - (1) Nathália Gasparin (BRA) x (3) Rebeca Silva (POR)

14h ou após descanso - (1) Rebeca Silva/Nathalia Gasparin (POR/BRA) x Thais Andreotti/Romina Ccuno (BRA/PER)

16h - (1) João Lucas Reis (BRA) x (8) Mateo Reyes (BRA)

18h - (2) Aaron Schmid (SUI) x Natan Rodrigues (BRA)

Quadra 2

11h - (6) Isabela Ciaanglini (BOL) x (2) Romina Ccuno (PER)

 

A 33ª edição do Bahia Juniors Cup Bahia Juniors Cup conta com os patrocínio do Governo do estado da Bahia pela Sudesb e da Construtora Moura Dubeux e apoio da Gatorade, Cassi Turismo e Águas Meleva. O evento é chancelado pela Federação Bahiana de Tênis, Confederação Brasileira de Tênis, Federação Internacional de Tênis e Confederação Sul-Americana de Tênis, o Cosat.

Serviço:

banner
banner