X

Honrado por abrir Wimbledon, Federer confessa: 'Nadal merecia mais do que eu'

Segunda, 22 de junho 2009 às 14:24:16 AMT

Link Curto:

Federer - Wimbledon 08
Após vitória por 7/5 6/3 6/2 sobre o taiwanês Yen-Hsun Lu na primeira rodada do Aberto de Wimbledon, o suíço Roger Federer comemorou o triunfo contra o rival número 65 do mundo e ainda ressaltou a alegria de, pelo sexto ano consecutivo, abrir os jogos da competição na quadra central, mas lembrou do espanhol Rafael Nadal, atual campeão, que teria esse direito caso estivesse disputando o torneio.

"Depois de todos esse ano ainda é muito especial para mim fazer o primeiro jogo da segunda-feira. Sei que Rafa merecia mais do que eu fazer a abertura do torneio esse ano, mas depois que ele desistiu alguém tinha de jogar, e fiquei muito feliz por ser lembrado pela organização. Foi uma emoção incrível, meu coração bate mais forte aqui, Wimbledon é sempre especial", afirmou o suíço.

Sobre seu rival na partida de hoje, o dono de 14 títulos de Grand Slam foi só elogios: "Lu jogou muito bem hoje. Ele tem um excelente forehand, um ótimo backhand. Ele joga muito bem em quadras rápidas, e sabe como se movimentar na grama. É muito perigoso e já venceu jogadores importantes antes (eliminou David Nalbandian no Aberto da Austrália esse ano). Ele fez um bom primeiro set (chegou a liderar com 3/2 e saque) e se manteve sempre vivo no score nos sets seguintes", analisou Federer.

O natural da Basileia ainda ressaltou a importância de vencer suas primeiras partidas no torneio com mais tranquilidade, algo que aumenta sua confiança e o deixa mais descansado e preparado para a segunda e decisiva semana do torneio.

"A primeira rodada é mais difícil que a segunda ou a terceira, pois vocês está começando a sentir a atmosfera do torneio, com a torcida, a quadra e tudo mais. É muito importante vencer bem na primeira rodada e ter um bom início nesta semana, pois o torneio é muito longo", finalizou ele, que vai enfrentar na segunda rodada o espanhol Guillermo Garcia-Lopez.
banner
banner