X

Exibição de Federer e Zverev é cancelada por 'toque de recolher' em Bogotá

Sexta, 22 de novembro 2019 às 22:32:31 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

A partida exibição entre o suíço Roger Federer e o alemão Alexander Zverev que seria realizada na noite desta sexta-feira em Bogotá, na Colômbia, foi cancelada em razão da decretação de um "toque de recolher" na cidade.



O suíço e o alemão tiveram a exibição antecipada pela organização para às 18h30 no horário local, porém, não poderia garantir a segurança do público na volta pra casa e por esta razão a partida foi cancelada.

Ao público, Federer se dirigiu "Estou muito feliz de estar voltar a Bogotá e estar feliz como estive aqui há alguns anos, porém, Sascha e eu estamos tristes de comunicar isso a vocês. O certo é que precisamos estar em segurança e temos de ser cuidados e esta decisão é por vocês, o público. Espero estar de volta e poder jogar para cada um de vocês um dia".

 

Sobre o Toque de Recolher: Bogotá está enfrentando uma série de protestos que se converteram em vandalismo. Nesta sexta-feira, informa a imprensa local, a capital do país colocou de um lado a polícia "com suas bombas de efeito moral e gás lacrimogênio" ante a um grupo formado pro pessoas que atuam "destruindo patrimônio público e quebrando estabelecimentos comerciais para promover saques".

O prefeito da capital, Enrique Peñalosa, decretou toque de recolher nos três bairros mais críticos da capital e contabilizou 76 estações do sistema de transporte sobre pneus leve, a Transmilenio, e a destruição de outros 79 ônibus que fazem o transporte da população. Diante do cenário de "encarceramento de bons cidadãos" o presidente do país, Iván Duque decretou toque de recolher geral a partir das 21h na cidade e convocou o exército para fazer a vigilância e varreduras das ruas da cidade a partir do período.

As manifestações em Bogotá iniciaram-se contra alguns projetos do governo local, ganharam pautas como as recentes no Chile e chegaram em seu ápice nesta sexta-feira onde boa parte da população de Bogotá, segundo informa a imprensa local, sequer conseguiu chegar ao trabalho ou saberia como voltaria para casa.

A imprensa local informa que até o momento, os protestos contra o governo de Iván Duque tem três cidadãos mortos e outros 146 presos.

 

banner
banner