X

Santos, Romboli avançam no Orange Bowl. João Vitor vence na Prince Cup

Terça, 05 de dezembro 2006 às 20:49:39 AMT

Link Curto:

Tênis Juvenil
Dois dias após sagrar-se campeão do Eddie Herr, o brasileiro Nicolas Santos já estreou no Orange Bowl, em Key Biscayne, Estados Unidos. Nesta terça-feira, 5, o tenista da EGA/Localfrio, cabeça-de-chave número um da categoria 18 anos, venceu o tailândes Perakiat Sirilvethaiwattana, por 6/3 e 6/2, e passou à segunda rodada de um dos maiores torneios juvenis do mundo. Seu próximo desafio será contra o equatoriano Gonzalo Escobar, que na estréia passou pelo dinamarquês Soren Wedege, com duplo 6/1.

Ainda nesta terça-feira, Santos também joga duplas ao lado do companheiro da EGA Tennis Academy, Fernando Romboli. Eles enfrentam o russo Evgeny Donskoy e o sul-africano Damien Hume. O técnico Luiz faria acompanha os jovens durante o evento.

A conquista de Santos no Eddie Herr na semana passada lhe rendeu uma posição no ranking da ITF divulgado nesta segunda-feira, 4. O garoto de Adamantina, SP, passou do quinto ao quarto lugar, aproximando-se de sua melhor colocação - a terceira, em julho. A frente do brasileiro na lista estão o holandês Thiemo de Bakker, o eslovaco Martin Klizan e o francês Jonthan Eysseric.

O vice-campeão do Banana Bowl e 55º no ranking da ITF, o santista Fernando Romboli começou bem sua caminhada no Orange Bowl. Nesta terça-feira, 5, o tenista da equipe EGA /Localfrio bateu o norte-americano Dennis Lajola, 13º cabeça-de-chave do evento e 45º na lista, por 6/4 e 6/2.

"Foi uma ótima estréia. Mesmo jogando contra um dos favoritos não me intimidei. Fiz meu jogo e estive solto em quadra", afirmou o jovem - patrocinado por Localfrio, Kirschbaum, Wilson e SESC.

Seu próximo adversário será outro tenista da casa: Austin Krajicek, 101º no ranking da ITF, que na estréia passou pelo sul-coreano Dae-Soung Oh, por duplo 6/3. Romboli, que tem a companhia do técnico Luiz Faria da EGA Tennis Academy, ainda joga duplas nesta terça-feira, ao lado do companheiro de academia, Nicolas Santos. Eles enfrentam o russo Evgeny Donskoy e o sul-africano Damien Hume.

Pelo segundo jogo consecutivo, o cuiabano João Vitor Fernandes só perdeu um game em partida disputada pela categoria 14 anos da Prince Cup. O jovem, segundo cabeça-de-chave da competição, venceu o norte-americano Santiago Padilla por 6/1 e 6/0 e passou às oitavas-de-final do evento.

"Estive concentrado a partida toda. Isto foi o principal hoje, não relaxei e fui pra cima. Agora é aguardar e ficar focado, pois tem mais um jogo", afirmou o garoto - patrocinado por TAM Linhas Aéreas, UNIC - Universidade de Cuiabá, Hotel Global Garden e Head, com apoio do Governo do Estado do Mato Grosso.

Seu próximo adversário será o chileno Álvaro Nazal, 15º pré-classificado. A partida acontece ainda nesta terça-feira, 5, na academia de Patrício Apey por um lugar nas quartas-de-final. Este é o segundo torneio que pupilo do técnico Marcelo Rebelo (Cascata) disputa nos Estados Unidos. Na semana passada, ele foi quadrifinalista em simples e finalista em duplas no Eddie Herr. Esta semana disputa a Prince Cup e a partir da próxima segunda-feira, 11, joga o Orange Bowl.
banner
banner