X

Nalbandian: 'Não quero me aposentar sem a Davis'

Domingo, 19 de dezembro 2010 às 01:01:03 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
David Nalbandian colocou a Copa Davis acima de tudo e, em entrevista ao diário Olé, disse que não gostaria de se aposentar sem ganhar a maior competição por nações do tênis. Leita Também: Safin duvida do sucesso no retorno de Del Potro - Nalbandian é campeão da Copa Argentina

"Não quero me retirar sem ganhar a Davis. Sou obcecado pra vencê-la, é algo distinto. Represento meu país, represento eu, minha família, você, a ele, a todo mundo. A responsabilidade e pressão é muito maio. Quando se ganha na Davis a satisfação é maior.

Sempre vou dar tudo pela Davis, algumas vezes vou cometer erros e outras acertos", disse o ex-top 3 peça fundamental para vitórias contra a Suécia e Rússia fora de casa quando a Argentina era tida como zebra este ano.

Vice-campeão em 2006 (diante da Rússia) e 2008 (diante da Espanha), a Argentina tentará novamente a primeira conquista em 2011 e Nalbandian espera contar com Del Potro e já projeta confronto diante da atual campeã Sérvia: "Se Juan Martin (Del Potro) e eu estivermos em boa forma podemos lutar contra a Sérvia numa hipotética semifinal em Belgrado. São quatro jogos de simples competitivos no piso indoor".

Mas Nalbandian admite que a falta de uma dupla atrapalha: "Nos falta uma dupla. Não temos uma dupla formada por mais que o Leonardo Mayer, Eduardo Schwank e Horacio Zeballos joguem bem. Eles não estão no nível dos Bryans e nem de um Benneteau-Llodra. Não dá pra enfrentar estas duplas".
teninews.com.br
br.jooble.org