X

Guga x Russel, uma das 5 maiores frustrações da década pela ATP

Sexta, 18 de dezembro 2009 às 14:40:00 AMT

Link Curto:

Guga x Russel 2001
Gustavo Kuerten foi lembrado como a quarta das cinco maiores viradas e frustrações da década pela Associação dos Tenistas Profissionais. A partida em questão foi em Roland Garros 2001 contra o americano Michael Russell.

Guga era o número 1 do mundo, chegava como o franco favorito no torneio onde defendia a conquista do ano anterior e enfrentava o qualifier Michael Russel nas oitavas de final. Tarefa fácil não é ? Nada disso.

A carreira do americano poderia ter sido diferente naquele dia. Ele chegava confiante após ter batido o ex-bicampeão Sergi Bruguera. Guga não apresentava um bom tênis e perdia por 2 sets a 0 e tinha um match-point contra com 3/5 abaixo. Então o catarinense foi pro risco, jogou um forehand que pegou na linha, ganhou o tie-break e começou a virada.

Depois daquele triunfo, com parciais de 3/6 4/6 7/6 (9/7) 6/3 6/1, o brasileiro eternizou um coração na quadra Phillippe Chatrier, a central de Paris, que o acompanhou até o título sobre Alex Corretja.

A ATP elegeu a vitória de Gaston Gaudio em Roland Garros 2004 como a maior virada da década. Guillermo Coria dominava a partida, vinha em uma ótima sequência no saibro, mas desperdiçou dois match-points no quinto set no triunfo do rival no jogo que teve o placar de 0/6 3/6 6/4 6/1 8/6.

A segunda maior foi a de Roger Federer com 16/14 no quinto set neste ano sobre Andy Roddick como a maior virada da década. O suíço ganhou seu 15o. Grand Slam e se tornou o maior recordista da história batendo Pete Sampras.

Roddick fez 1 set a 0 e chegou a ter set-points para fazer 2 sets a 0 quando teve um voleio na mão, mas jogou pra fora. No quinto set os dois tenistas confirmaram e de forma dramática Federer sagrou-se campeão com uma quebra.

A vitória de Mikhail Youzhny em 2002 dando o título da Copa Davis para a Rússia ao salvar dois match-points contra Paul-Henri Mathieu em pleno saibro de Paris ficou em terceiro lugar e em quinto as quedas de Patricik Rafter nas finais de Wimbledon em 2000 diante de Andre Agassi e 2001 contra Goran Ivanisevic, ambas em cinco sets.
teninews.com.br
br.jooble.org