X

Federer e Nadal os melhores da década pela ATP. Guga é lembrado

Segunda, 14 de dezembro 2009 às 11:19:22 AMT

Link Curto:

Federer - Campeão Wimbledon 09 II
A Associação dos Tenistas Profissionais elegeu em seu site oficial os melhores tenistas da última década, e o suíço Roger Federer, dono de 15 títulos de Grand Slam nos últimos seis anos, ficou em primeiro, seguido pelo espanhol Rafael Nadal, o rei do saibro. A ATP lembrou ainda de citar o brasileiro Gustavo Kuerten, líder do ranking na virada do século.

Federer ficou em primeiro graças a seus 15 títulos de Grand Slam em 21 finais disputadas desde julho de 2003. O suíço possui ainda 22 semis consecutivas e um aproveitamento de 93,5% nos Majors. Ele liderou o ranking por 237 semanas consecutivas e terminou cinco temporadas (2004 a 2007 e 2009) no topo do ranking.

Em segundo aparece Rafael Nadal, o rei do saibro, que venceu Roland Garros por quatro vezes (de 2005 a 2008), além de ter ganho Wimbledon (2008) e o Australian Open (2009). Ele foi número um do mundo de agosto do ano passado até julho desse ano.

O terceiro é o australiano Lleyton Hewitt, campeão do US Open 2001 e Wimbledon 2002, e vice do US Open 2004 e Australian Open 2005, que foi líder do ranking do final de 2001 até o início de 2003. O norte-americano Andre Agassi, que foi tricampeão do Australian Open (2000, 2001 e 2003) no período, aparece em quarto. Ele foi ainda o jogador mais velho a liderar o ranking, em maio de 2003, com 33 anos. Completa o top 5 da década outro norte-americano, Andy Roddick, campeão do US Open 2003 e vice em outras finais de Grand Slam, que foi número um do mundo em 2003.

Como melhor dupla da década foram eleitos os irmãos Bob e Mike Bryan, que terminaram o ano no topo do ranking por quatro anos e venceram todos os Grand Slams.

A ATP ainda fez menção honrosa a outros seis grandes nomes: Pete Sampras, que viveu os últimos anos de sua carreira no início da década e se aposentou em 2002 com o título do US Open; Juan Carlos Ferrero, campeão de Roland Garros e número um do mundo em 2003; Marat Safin, campeão do US Open 2000 e do Australian Open 2005 e número um do mundo em 2000; Nikolay Davydenko e David Nalbandian, vencedores do ATP Finals, respectivamente, em 2009 e 2005; além de Gustavo Kuerten.

Guga venceu Roland Garros em 2000 e 2001, a Masters Cup de 2000 e ainda liderou o ranking da ATP por 43 semanas entre 2000 e 2001, antes de se retirar definitivamente das quadras em 2008.
teninews.com.br
br.jooble.org