X

Jogadores manifestam solidariedade a argentino pego no anti-doping

Domingo, 19 de fevereiro 2006 às 18:26:45 AMT

Link Curto:

Roland Garros

Daniel Lacerda, Direto de Buenos Aires

Em documento aberto à imprensa, alguns jogadores e ex-jogadores, entre eles Carlos Moya, Bruno Rosa e Jaime Oncins, assinaram um manifesto de solidariedade ao tenista argentino Mariano Hood. O duplista foi pego no anti-doping em Roland Garros e proibido de entrar em eventos da ATP por um ano. O caso vem gerando polêmica.

Hood foi pego com Finasterida, que é uma substância que oculta a presença de outros dopings. Entretanto, ele alegou que a utilizava para prevenir a queda de cabelo.

No manifesto, é pedido que o caso seja revisto e ajustado a essa realidade. Além disso, é declarado pelos que assinaram, a crença na inocência de Hood.

O tênis argentino vem vivendo muitos problemas com doping. Mariano Puerta foi suspenso por oito anos, Guillermo Cañas por dois e alguns atletas, como Guillermo Coria e Juan Ignacio Chela, já ficaram algum tempo parado devido a puniçoes da ATP.
teninews.com.br
br.jooble.org