X

Federer, o maior vencedor da história. Relembre todos os Grand Slams do suíço!

Domingo, 05 de julho 2009 às 14:45:00 AMT

Link Curto:

Federer - Wimbledon 09 VI

Por Vitor Souza Paula

Roger Federer se tornou neste domingo o maior vencedor de Grand Slams de todos os tempos com 15 conquistas. O suíço venceu seu primeiro torneio deste nível em 2003 no Aberto de Wimbledon, e o mesmo palco que viu esse primeiro grande passo do gênio no esporte presenciou hoje também sua coroação como o maior tenista de todos os tempos.

Um ídolo de classe, elegância, força, habilidade e esportividade, Federer não venceu tanto em sua gloriosa carreira por acaso, e por isso cada conquista do natural da Basileia merece ser relembrada e muito comemorada por seus fãs e amantes do esporte em geral.

Em 2003, Federer chegou em Wimbledon como número 5 do mundo e conquistou seu primeiro título de Grand Slam com 21 anos. Ele havia caído na estreia da edição do ano anterior, mas mesmo assim não sentiu sua confiança abalada e, tendo perdido apenas um set em toda a competição, derrotou na final o australiano Mark Phillippoussis.

Seu segundo título veio no início de 2004 no Aberto da Austrália. Federer entrou na competição como um dos nomes mais cotados para ser campeão, já que vinha de título na Masters Cup e alcançara a 2ª posição do ranking com isso. Ele eliminou bons nomes como Lleyton Hewitt, David Nalbandian e Juan Carlos Ferrero, até chegar à final contra o russo Marat Safin, contra quem não deu chances e venceu em sets diretos. No dia seguinte, o suíço assumiu pela primeira vez na carreira o topo do ranking. No mesmo ano, o suíço conquistou o bi em Wimbledon batendo Roddick na final e faturou seu primeiro US Open, em um torneio inesquecível que contou com uma incrível vitória em cinco sets contra Andre Agassi nas quartas, vitória arrasadora contra seu então carrasco Tim Henman na semi e uma atuação impecável contra Hewitt na final, com vitória em sets diretos e direito a dois pneus.

Em 2005, Federer bateu na trave no Aberto da Austrália e em Roland Garros, caindo na semifinal em ambos, mas em Wimbledon ele voltou a brilhar e, novamente contra Andy Roddick na final, ele conquistou seu tricampeonato no All England Club. Dois meses depois, ele estava em Nova York para defender seu título do US Open e não decepcionou. Depois de passar por Lleyton Hewitt na semi, ele encarou Andre Agassi na final, e mesmo com o Arthur Ashe Stadium completamente lotado, saiu de quadra com a vitória após quatro sets de um altíssimo nível de tênis. Após a partida, o americano disse que nunca havia enfrentado alguém tão bom em toda a sua vida.

No ano seguinte, o suíço começou com pé direito, recuperando a coroa na Austrália. Mesmo com uma chave sem muitos favoritos, Federer teve trabalho a partir das oitavas (cedeu sets em todos os jogos) e na final diante da zebra cipriota chamada Marcos Baghdatis venceu de virada por 3 sets a 1. No mesmo ano, o natural da Basileia venceu pela quarta vez em Wimbledon após chegar à final sem perder sets e, na decisão, bater o espanhol Rafael Nadal em quatro sets com direito a pneu; e pela terceira vez no US Open ao superar na decisão o “freguês” Roddick pelo mesmo placar.

Em 2007 a história não foi diferente e o suíço fez pela terceira vez a “tríplice coroa”. Na Austrália, uma campanha impecável e título sem ceder sets com triunfo na decisão sobre o chileno Fernando Gonzalez. Em Wimbledon, pentacampeonato com vitória dramática na decisão em batalha de cinco sets, novamente contra Nadal na decisão, e no US Open o tetra veio com vitória sobre o sérvio Novak Djokovic na decisão em três sets apertados. Federer já acumulava aí 12 títulos de Grand Slam, assim como o australiano Roy Emerson. Só faltava Sampras a ser ultrapassado...

2008 foi um ano mais difícil para Federer. Ele perdeu o topo do ranking em agosto, caiu na final em Wimbledon para Rafael Nadal e parecia que ia passar o ano “em branco”. Mas eis que no US Open ele ressurge e conquista o pentacampeonato batendo Djokovic na semi e Andy Murray na final, alcançando seu 13º Major e ficando a um passo de se tornar o maior vencedor de todos os tempos.

Em 2009, finamente o suíço realizou o feito de igualar de Sampras. E de quebra o feito histórico aconteceu em Roland Garros, único dos quatro grandes torneio do circuito que ele ainda não havia vencido. Sem Nadal pelo caminho, Federer finalmente conquistou o título do Aberto da França após campanha sofrida e na final bateu o sueco Robin Soderling por 3 sets a 0, fazendo o ‘carrer slam’. Um mês depois, o gênio voltou a Wimbledon para recuperar sua coroa e conquistar o 15º Major de sua carreira após batalha histórica contra Roddick na final, vencida por 16/14 no quinto set. Com o título, o suíço se tornou isoladamente o maior vencedor de Slam da história.

Confira todos os 15 títulos de Federer em Grand Slams:

Wimbledon 2003 – Roger Federer (SUI) 3x0 Mark Philippoussis (AUS) 7/6 (7/5) 62 7/6 (7/3)
Australian Open 2004 – Roger Federer (SUI) 3x0 Marat Safin (RUS) 7/6 (7/3) 6/4 6/2
Wimbledon 2004 – Roger Federer (SUI) 3x0 Andy Roddick (EUA) 4/6 7/5 7/6 (7/3) 6/4
US Open 2004 – Roger Federer (SUI) 3x0 Lleyton Hewitt (AUS) 6/0 7/6 (7/3) 6/0
Wimbledon 2005 – Roger Federer (SUI) 3x0 Andy Roddick (EUA) 6/2 7/6 (7/2) 6/4
US Open 2005 – Roger Federer (SUI) 3x1 Andre Agassi (EUA) 6/3 2/6 7/6 (7/1) 6/1
Australian Open 2006 – Roger Federer (SUI) 3x1 Marcos Baghdatis (CHP) 5/7 7/5 6/0 6/2
Wimbledon 2006 – Roger Federer (SUI) 3x1 Rafael Nadal (ESP) 6/0 7/6 (7/5) 6/7 (7/2) 6/3
US Open 2006 – Roger Federer (SUI) 3x1 Andy Roddick (EUA) 6/2 4/6 7/5 6/1
Australian Open 2007 – Roger Federer (SUI) 3x0 Fernando Gonzalez (CHI) 7/6 (7/2) 6/4 6/4
Wimbledon 2007 – Roger Federer (SUI) 3x2 Rafael Nadal (ESP) 7/6 (9/7) 4/6 7/6 (7/3) 2/6 6/2
US Open 2007 – Roger Federer (SUI) 3x0 Novak Djokovic (SRB) 7/6 (7/4) 7/6 (7/2) 6/4
US Open 2008 – Roger Federer (SUI) 3x0 Andy Murray (GBR) 6/2 7/5 6/2
Roland Garros 2009 – Roger Federer (SUI) 3x0 Robin Soderling (SUE) 6/1 7/6 (7/1) 6/4
Wimbledon 2009 – Roger Federer (SUI) 3x2 Andy Roddick (EUA) 5/7 7/6 (8/6) 7/6 (7/5) 3/6 16/14
banner
banner