X

Guillermo Villas comenta sobre Guga e Nalbandian em Buenos Aires

Sexta, 25 de novembro 2005 às 21:36:53 AMT

Link Curto:

Copa Petrobras
Guillermo Vilas vem acompanhando a quinta etapa da Copa Petrobras - que está sendo realizada em seu clube, o Vilas Club - e concedeu entrevista coletiva nesta sexta-feira, depois de treinar por mais de duas horas. O ex-tenista falou sobre a importância do torneio, o título do Masters conquistado por David Nalbandian e a volta de Guga.


"Eu vi desde a semana passada como o clube passou por uma transformação incrível para este torneio. Acho que isto aqui é a ante-sala dos grandes torneios da ATP e por isso gostaria de ver mais meninos e técnicos aqui, prestigiando o evento e aprendendo como é começar a jogar. Aqui também o jogador ganha pontos em casa, o que é importantíssimo. Na minha época não era assim", analisou o campeão do Masters de 1974, em Melbourne. "É bom lembrar que no ano passado o (Mariano) Puerta jogou a Copa Petrobras e o pessoal comentava que ele estava acima do peso e lento. Mas, em menos de um ano , ele estava na final de Roland Garros. Aqui, nestes torneios, você aprende a medir os jogadores. É aqui que você vê o que vai vir".

Detentor de 62 títulos de simples, Vilas comentou a atual fase do tênis argentino e a recente conquista de David Nalbandian, que no último domingo levou o título do Masters de Xangai. "Acho que o David tem tudo para ser o número 1 do mundo. A conquista dele é importante, mas a história é que vai dizer se ele vai ter um lugar especial no tênis. Temos que esperar. A minha contribuição para estes meninos foi abrir as portas do meu clube para eles treinarem e aproveitarem toda a estrutura de médicos e fisioterapeutas. Eles sabem que estou aqui e que sempre poderão contar comigo".

Questionado sobre a possibilidade de Gustavo Kuerten voltar a ganhar dos melhores do mundo, Vilas, primeiro sul-americano a ganhar um Grand Slam - Roland Garros de 1977 - foi enfático: "Tenho certeza de que ele vai voltar. Um cara que poderia ir surfar na Costa Rica ou comer feijoada em Búzios e, ao invés disso, vai pra mesa de cirurgia, é porque quer muito ganhar. Desejo boa sorte pra ele", disse o argentino.

Perto da final

Três semifinalistas da quinta etapa da Copa Petrobras foram definidos nesta sexta no Vilas Club, em Buenos Aires. Terceiro pré-classificado, Carlos Berlocq passou pelo espanhol Ruben Ramirez Hidalgo por 2 sets a 0, com parciais de 7/5 6/3, enquanto o argentino Diego Hartfield venceu outro espanhol, Santiago Ventura, cabeça-de-chave 8, por parciais de 5/7 6/4 6/4. O costarriquenho Juan Antonio Marin ganhava por 4/1 de Daniel Koellerer quando o austríaco sentiu problemas estomacais e abandonou a partida. O último semifinalista sairá do encontro desta noite, entre Nicolas Lapentti (EQU), ex-número 6 do mundo, vice-campeão da etapa de Aracaju, e o austríaco Oliver Marach, defensor do título na capital argentina.

Para conferir todos os resultados desta sexta e a programação deste sábado, acesse o site www.copapetrobrasdetenis.com.br

Buenos Aires recebe a quinta etapa da Copa Petrobras, que começou em Bogotá (COL) e esteve em Santiago (CHI) Montevidéu (URU) e Aracaju (BRA). O torneio é disputado no saibro e distribui uma premiação de US$ 100 mil.

Fonte: DGW Comunicação
banner
banner