X

Filosofia da Quadra - A Moralidade no Esporte

Sexta, 11 de novembro 2005 às 13:00:00 AMT

Link Curto:

Fernando Fontoura

Por Fernando Fontoura, autor do livro Tênis para Todos

Fernando Fontoura, autor do livro chega em sua segunda edição na coluna Filosofia da Quadra, exclusiva para a Tênis News, falando de um aspecto muito importante não só no tênis, mas em qualquer esporte de competição: a MORALIDADE. Não perca! Mandem mensagens:

Fernando Fontoura


A Moralidade no Esporte

Li um artigo de um filósofo americano falando sobre a fantástica marca de Lance Armstrong, o ciclista que conquistou por sete vezes seguidas o primeiro lugar no Tour de France, a competição ciclística mais importante e difícil do mundo. Em uma parte de seu artigo ele pergunta por que as conquistas esportivas têm um enorme apelo na vida humana. A resposta, conclui o filósofo, encontra-se em um aspecto raramente reconhecido no esporte: seu significado moral. O que as vitórias desses atletas nos fornecem é um raro e crucial valor moral: o testemunho da conquista humana.

A moralidade baseia-se nos melhores valores humanos e estes valores nas melhores virtudes pessoais. Colocar em prática as melhores virtudes é fazer os valores trabalharem a favor da moralidade. A moral não é apenas um conjunto de valores que guia nossas ações, mas é a própria ação que dá sentido a esses valores. Quando se fala em moral pensa-se apenas como algo intelectual ou teórico, mas a moral é, antes de tudo, prática. Pois só a prática mostra o resultado daquilo que pensamos e do conjunto de ações que escolhemos como guia.

Quando um atleta como Guga, Senna, Daiane dos Santos ou Armstrong alcançam suas conquistas, estão exteriorizando naquele momento tudo o que valorizam antes dessa conquista. O esporte premia o melhor, a elite e sua única igualdade está em que cada competidor tem as mesmas oportunidades para mostrar seus valores, seus talentos e sua determinação. Ao celebrar a vitória de um sobre muitos, celebra-se a capacidade humana de vencer desafios, de ter um objetivo maior e de colocar toda sua disposição ao serviço de seus valores.

A vitória de um atleta nos faz ter a nobre visão do potencial humano e é isso que faz com que todos gostemos de ver, admirar, se emocionar com cada conquista desses grandes seres humanos. Para nós que não podemos sacar a 240 km/h ou não podemos correr de bicicleta como Armstrong cabe-nos levar para nossa vida aquilo que os atletas nos passam através de suas conquistas: objetivo, determinação, persistência, valores e prática moral. Em qual aspecto de minha vida posso colocar todas essas virtudes? Quão mais longe não iria se colocasse o melhor de mim naquilo que realmente gosto?

São perguntas que podemos responder cada vez que vemos um atleta alcançando o topo de suas conquistas.

Fernando Fontoura

Sobre Fernando

Em 1998 lançou Configure seu Jogo – o tênis além do instinto. Em 2003 lançou Tênis para Todos editado pela ULBRA (Universidade Luterna do Brasil).

Tênis para Todos foi usado como bibliografia no livro Tênis para Crianças - Manual para pais, filhos e mestres , lançado em 2004 por Suzana Silva, professora com método próprio e administradora de academias em São Paulo.

Produziu e apresentou um programa de TV por 4 meses com o titulo Tênis Para Todos que tinha por objetivo socializar o esporte.

Atualmente escreve crônicas esportivas em um sites especializados e revistas de tênis.

Foi jogador regional e ministrou aulas por dez anos tendo vários cursos no Brasil e exterior.
banner
banner