X

Del Potro, de 17 anos, é campeão em Montevidéu

Domingo, 06 de novembro 2005 às 18:51:26 AMT

Link Curto:

Copa Petrobras
A Copa Petrobras 2005 mais uma vez comprova seu objetivo de fomentar o tênis sul-americano, tendo em vista principalmente os jovens tenistas. Neste domingo, no Carrasco Lawn Tennis, na capital uruguaia, Juan Martin Del Potro, de 17 anos, ganhou seu primeiro título de Challenger na terceira etapa da Copa Petrobras ao derrotar o sérvio Boris Pashanski por 2 sets a 1, com parciais de 6/3 2/6 7/6(3).


Pela vitória, o argentino levou um cheque de US$ 7.200 e somou 60 pontos no ranking de Entradas da ATP, o que o levará a aparecer na lista da próxima segunda-feira perto dos 150 melhores do mundo. Já Pashanski, de 23 anos, com os 42 pontos obtidos, estará muito perto do top 100.

“Minha meta no começo da temporada era chegar nesta época do ano disputando o quali de Challengers, então estou muito feliz por já ter feito uma final (Challenger de Campos de Jordão, em julho) e de ganhar outra”, comemorou Del Potro, que curtiu muito mais o título pelo fato de poder compartilhar o momento com sua família e amigos. “Meus pais e o pessoal de Tandil estão reunidos em casa, me vendo pela televisão (TyC Sports). Isso, com certeza, me motivou mais ainda”, contou ele, que fez uma partida muito equilibrada contra o sérvio, sob o olhar de aproximadamente 900 pessoas. “No primeiro set, eu comecei muito bem, acertando tudo. Já no segundo, fiquei pensando demais em quanto queria ganhar e percebi que isso não estava me fazendo bem. O último set foi parelho, mas nos pontos importantes eu consegui me impor. Numa hora dessas é muito mais vontade e coração do que habilidade”, analisou o argentino.

Quanto aos próximos torneios, Del Potro repensou seu calendário. “Perdi na primeira etapa no Chile e já estava pensando em ir pra casa depois daqui, mas este título me deu mais força para continuar. Vou para Guayaquil e para as etapas de Aracaju e Buenos Aires da Copa”, garantiu ele, que fez um agradecimento especial ao seu preparado físico Nacho Menchón. “Ele foi fundamental pra mim esta semana. Me motivou o tempo todo e me fez chegar até aqui”, contou o responsável pela eliminação do paulista Flávio Saretta na estréia da competição.

Del Potro vem sendo comparado fisicamente à Gustavo Kuerten (Guga). “Dizem que eu tenho o mesmo jeito de andar dele e o cabelo também. Tomara um dia possa jogar como ele”, finalizou o tenista de 1,95 m, que foi muito simpático com os fãs, distribuindo camiseta, boné e bolas para o público ao final da partida.

Na cerimônia de premiação esteve presente, além dos patrocinadores e organizadores do evento, o vice-presidente da República do Uruguay, o Sr. Rodolfo Nin Novoa.

Montevidéu recebeu a terceira etapa da Copa Petrobras, que começou em Bogotá (COL) e, na semana passada, esteve em Santiago (CHI). O torneio foi disputado no saibro e distribuiu uma premiação de US$ 50 mil com hospedagem, ou seja, a pontuação é equivalente a um torneio de US$ 75 mil. De Montevidéu, a Copa Petrobras segue para Aracaju/BRA (14 a 20/nov) e Buenos Aires/ARG (21 a 27/nov).

Fonte: DGW Comunicação
banner
banner