X

Julio Silva levanta a taça em Santhiago

Domingo, 30 de outubro 2005 às 16:42:49 AMT

Link Curto:

Julio Silva III
O paulista Júlio Silva superou muito suas expectativas para a semana e acabou se tornando o campeão da segunda etapa da Copa Petrobras de Tênis, no Club Deportivo Universidad Católica, em Santiago (CHI).


Com a vitória sobre o espanhol Ruben Ramirez Hidalgo por 2 sets a 0, com parciais de 6/2 6/3, Silva torna-se o segundo brasileiro a levar um título da competição. Na semana passada, em Bogotá (COL), foi a vez de o gaúcho Marcos Daniel levantar a taça.

Na partida deste domingo, com duração de 1h33, Julinho mostrou que está muito bem fisicamente e aguentou bem as longas trocas de bolas com o espanhol. “Fiquei 1 mês e meio sem jogar, treinando muito a parte física e acho que isso foi fundamental para eu ganhar os jogos aqui”, admitiu o tenista de Jundiaí. “Acho que o momento importante da partida foi no começo do primeiro set, quando quebrei o serviço no terceiro game. A partir dali, ganhei confiança para seguir jogando bem, sem errar”, contou Silva, que ainda conseguiu quebrar o adversário no 5º game do primeiro set e nos 5º e 9º games do segundo.

A vitória em Santiago vem no momento certo, já que o brasileiro não ganhava um torneio desde maio de 2004, quando se sagrou campeão em um Future italiano. Além disso, Julinho, de 26 anos, se diz muito mais calmo e tranquilo na quadra, fato que está relacionado também à vida afetiva, já que ele se casará em dezembro deste ano. “Estou muito feliz por tudo. É muito bom vencer depois de tanto tempo. Fora que esse dinheiro que eu ganhei aqui já dá pra pagar a festa”, brincou o atual número 180 do mundo, que levará pra casa um cheque de US$ 7.200 e 60 pontos no ranking de Entradas da ATP. “Tenho pontos para defender ainda este ano, mas acho que se continuar assim tenho grandes chances de chegar perto dos 150 melhores do mundo, que é meu objetivo desde o começo da temporada”, finalizou ele. Julinho agora parte para a disputa das outras etapas na Copa Petrobras, começando na próxima semana, em Montevidéu (URU), onde enfrentará na primeira rodada o argentino Diego Hartfield.

O vice-campeão, Ramirez Hidalgo, que ocupa a 128ª posição na ATP, segue para a capital uruguaia satisfeito com a atuação em sua primeira participação da Copa Petrobras 2005. “Foi uma ótima semana, mas hoje não consegui render o que podia. O Júlio merecer ser o campeão e isso deu pra perceber na quadra, onde ele foi superior”, concluiu o espanhol, que em Montevideo estréia contra o argentino Carlos Berlocq, cabeça-de-chave 3.

Santiago abrigou a segunda etapa da Copa Petrobras, que teve início em Bogotá. O torneio foi disputado no saibro e distribuiu uma premiação de US$ 50 mil com hospedagem, ou seja, a pontuação foi equivalente a um torneio de US$ 75 mil. De Santiago, a Copa Petrobras segue para Montevidéu/URU (31/out a 6/nov), Aracaju/BRA (14 a 20/nov) e Buenos Aires/ARG (21 a 27/nov).

Fonte: DGW Comunicação
teninews.com.br
br.jooble.org