X

Equipe de 16 anos treina em São Paulo para Mundial na Espanha

Segunda, 19 de setembro 2005 às 21:26:25 AMT

Link Curto:

Mundial Juvenil
Os três primeiros colocados do ranking da CBT na categoria 16 anos estarão treinando durante esta semana em São Paulo, visando a preparação para o Mundial que ocorre em Barcelona, na Espanha.


O torneio começa na terça-feira, 27 de setembro, e os garotos Fernando Romboli, Ricardo Siggia e Rafael Garcia treinam na EGA Tennis Academy, no Morumbi, sob supervisão do técnico Luiz Faria. Neste sábado, 24 de setembro, eles embarcam para a Europa.

A expectativa do treinador é das melhores, apesar de reconhecer o alto nível do torneio. “Acho que vai ser uma competição bastante dura, uma vez que os Estados Unidos, por exemplo, vão ter o Donald Young, número um de 18 anos da ITF. Os japoneses com Kei Nishikori e Fumiaki Kita; e o México com Eduardo Peralta também estão bem fortes. Todos estes são jogadores de 16 anos, mas jogam uma categoria acima. Além disso, tem a França, que é a atual campeã européia”, afirmou Luiz Faria, que completou: “Mas estou super-otimista. Conheço o potencial da nossa equipe e espero que eles fiquem entre os quatro.”

Há três anos, a equipe de 16 anos brasileira não se classificava para o Mundial e, neste ano, com esta mesma formação, ficou com o vice-campeonato Sul-Americano e quebrou esse tabu.

Treinamento – O treinador da EGA Tennis Academy, patrocinada pela Companiõn e Localfrio e apoio da Kirschbaum, pretende deixar os jovens tinindo para a disputa na Espanha. “Vamos treinar três horas de quadra de manhã e mais duas de tarde. Além disso, mais duas de preparação física”, disse. Romboli e Siggia já se encontram na academia para os treinamentos e Garcia chega nesta quarta-feira, 21 de setembro, para completar o time.

Faria também revelou que não tem definidos os jogadores de simples e duplas e prefere pensar que todos têm qualidade suficiente para representar bem o País. “A equipe é muito balanceada e qualquer um que entrar em quadra dá conta do recado. Hoje eles são o número 1, 2 e 3 do Brasil”, afirmou. “Eles foram muito bem no Sul-Americano e o Siggia e o Romboli também foram excepcionais nos Jogos da Língua Portuguesa, em Luanda”, lembrou.

A delegação brasileira embarca para Barcelona no sábado, 24 de setembro, e pretende treinar nos dois primeiros dias. A partir de terça-feira, 27 de setembro, começa o torneio, que só se encerra no domingo seguinte. O evento reunirá representantes de 16 países. A forma de disputa será em round robin (todos contra todos) com as nações divididas em grupos de quatro. Além de Brasil e Espanha, participam também Austrália, Áustria, Bulgária, República Tcheca, Equador, França, Itália, Japão, México, Filipinas, África do Sul, Tailândia, Tunísia e Estados Unidos.

Fonte: TennisPress
banner
banner