X

Medvedev pede silêncio em entrevista e diz que torcedores têm baixo QI

Quinta, 20 de janeiro 2022 às 09:22:06 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Após vencer um duro confronto contra o australiano Nick Kyrgios pela segunda rodada do Australian Open, o russo Daniil Medvedev não escondeu seu descontentamento com o comportamento da torcida na Rod Laver Arena e chegou a pedir silêncio na entrevista em quadra.



Tendo demonstrado muita calma durante sua partida, apesar do barulho da torcida na Rod Laver Arena, Medvedev não estava nada contente e concedeu uma entrevista problemática ainda em quadra.

Conversando com o ex-número 1 do mundo Jim Courier, Medvedev foi questionado sobre não demonstrar as emoções em quadra: "Essa é a única coisa que você pode fazer quando estão te vaiando durante o segundo serviço. É preciso estar calmo e fazer seu jogo".

Ao ser vaiado, Medvedev pediu, mais de uma vez "respeito" do público: "Por favor, respeito. Se vocês querem respeitar alguém, respeitem Jim Courier" disparou e seguiu: "Eu não consigo o ouvir nada, pessoal, por favor, respeitem Jim que já ganhou este torneio. respeitem ao menos ele".

No autógrafo na câmera, o russo escreveu "shiuu" como pedindo silêncio novamente ao público.

Na sequência, Medvedev falou ao vivo com o canal Eurosports e não poupou críticas a parte do público em Melbourne: "Eu não estava com raiva, apenas desapontado. O que aconteceu não foi justo nem com Nick. Kyrgios fez boas devoluções, belas bolas e você sacando com segundo serviço num breakpoint e as pessoas vaiam ou gritam para você fazer uma dupla falta. Não é todo mundo que faz, mas aqueles que fazem provavelmente têm QI (coeficiente de inteligência) baixo", disparou.

NÃO É A PRIMEIRA VEZ: Durante sua primeira grande campanha em um torneio do Grand Slam, no US Open de 2018, Medvedev também enfrentou problemas com a torcida ao enfrentar um local e na época chegou a fazer um gesto ofensivo com a mão ao público, e ainda ironizar o público na entrevista em quadra. Dali em diante passou a vaiá-lo em todas as suas partidas.  A relação com o público nova-iorquino melhorou na edição seguinte.

banner
banner