X

Murray lamenta atuação pobre em queda para Raonic

Quarta, 26 de agosto 2020 às 07:51:22 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Ex-número 1 do mundo, o escocês Andy Murray lamentou o que chamou de atuação pobre na derrota para Milos Raonic , 30º colocado, pelas oitavas de final do Masters 1000 de Cincinnati, em Nova York, nos Estados Unidos.



"Foi uma partida pobre, não joguei bem, não foi um bom dia. O positivo é que joguei três jogos e que fisicamente me encontrei bem mesmo que hoje (ontem) não tenha ido bem. Não sei se porque estava fadigado, tampouco me senti cansado, mas dei golpes muito ruins. Não estou contente com meu desempenho, honestamente. Tenho muito trabalho para fazer nos próximos dias antes de começar o US Open. Meu quadril está bem, tive jogos longos e os superei, mas não estou nada contente com essa noite", pontuou o britânico após a queda por um duplo 6/2.

"Tive um início muito lento,a questão é que durante o aquecimento busquei reservar a maior quantidade de energia possível para o jogo. Foi complicado, sobretudo quando chegou o temporal, essas condições me fizeram cometer muitos erros no primeiro set. Quando voltamos estava mais tranquilo e mesmo assim segui cometendo erros. Olhando por aí, não sei se meus erros foram por conta das condições ou porque estava muito lento. Tenho que colocar o sarrafo mais alto, não foi suficiente essa noite", apontou o jogador que vinha de vitória sobre o sétimo do mundo, Alexander Zverev.

 

"Não estou contente como joguei essa noite, não posso sentar aqui e dizer o contrário, sei que poderia ter jogado muito melhor. Estou decepcionado que depois de um par de partidas difíceis esperava jogar melhor. Falamos muito de mim, mas sabemos que o Milos joga muito bem nessas condições, com grande saque e agressivo."

banner
banner