X

Schwartzman salva 5 match-points, bate Cuevas e vai à semi na Argentina

Sexta, 14 de fevereiro 2020 às 23:11:15 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Empurrado pela torcida e na base do coração ao fim do jogo, o argentino Diego Schwartzman, 14º da ATP, salvou cinco match-points em jogo dramático contra o uruguaio Pablo Cuevas, 48º, e se garantiu na semifinal do ATP 250 de Buenos Aires.



Principal favorito do torneio, Schwartzman lutou por 3h42 para fechar o placar em 5/7 7/6 (11) 7/5 tendo convertido um ace contra 14 de Cuevas, que cometeu quatro duplas-faltas, a última que deu a vitória ao argentino, que cometeu três duplas-faltas e venceu 63% dos pontos jogados com seu primeiro serviço contra 72% de aproveitamento de Cuevas.

Vindo de um jogo de quase 3h de duração, Schwartzman pareceu recuperado, trabalhando bem com seus saques colocados e com dificuldades de encontrar o tempo da devolução do saque do uruguaio, que se aproveitou e com quebra no sexto game abriu 5/2 no placar, mas oscilou e foi quebrado sacando para o set, tendo que pressionar e voltar a romper o saque do argentino para fechar a parcial.

O jogo seguiu duro e equiparado, os tenistas trocaram quebras entre o décimo primeiro e décimo segundo games e a disputa foi para o tiebreak. Ali, empurrado pela torcida, Schwartzman alongou a troca de bolas, lutou, salvou quatro match-points e forçou o set decisivo. 

Nele, o argentino entrou sólido, abriu 3/0 com quebra no segundo game, viu o uruguaio reagir e devolver a quebra no sétimo game, quando a partida já ganhava contornos mais que dramáticos. Schwartzman sentiu o físico, teve cãibras  e uma "pontada" na perna direita, o que diminuiu muito seu ritmo de jogo. No décimo game, após bater com forehand cruzado pra fora, o argentino teve que salvar o quinto match-point da partida e deu a Cuevas a possibilidade de sacar para forçar um novo tiebreak, cometeu erros e numa dupla-falta foi quebrado.

Na semifinal, Schwartzman encara o vencedor da partida entre o brasileiro Thiago Monteiro e o português Pedro Sousa.