X

Apesar da derrota, Barty sai positiva de Melbourne: ‘Curti a experiência’

Quinta, 30 de janeiro 2020 às 15:30:29 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Líder do ranking da WTA, a australiana Ashleigh Barty viveu a melhor campanha de sua carreira no Australian Open, embora não tenha conseguido chegar à final. Após sair derrotada na semifinal diante de Sofia Kenin, a tenista fez um balanço do seu torneio.



“Foi uma partida em que não me senti muito confortável, senti que o meu primeiro plano não estava funcionando, não era capaz de executar os pontos como queria. Tentei um plano B e um plano C, tinha que escavar para encontrar uma maneira, mas nada deu resultado. Sei que tive set-points o que é algo decepcionante. Embora a minha única opção fosse continuar a lutar, via oportunidades de vencer”, disse.

A tenista ainda falou sobre a tática de sua adversária, que foi uma das grandes surpresas do torneio. “Ela tem a capacidade de se adaptar de forma contínua, de experimentar coisas diferentes em cada jogo, controla sempre a linha de base. Sabia que ela podia fazer isso com facilidade, estava sempre dentro de quadra tentando mudar a troca de bolas desde o primeiro golpe. Em algum momento de sua trajetória tornou-se uma jogadora extremamente segura e regular, e depois da vitória de hoje já vai ficar dentro das dez melhores tenistas do mundo”, reconheceu.