X

Kyrgios afirma estar emocionando por enfrentar Nadal na Austrália

Sábado, 25 de janeiro 2020 às 14:35:31 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

O australiano Nick Kyrgios, 23º favorito e polêmico, mediu suas palavras e pregou respeito a Rafael Nadal para duelo de oitavas de final do Australian Open que vai ocorrer na segunda-feira. Ele passou pelo russo Karen Khachanov em batalha de cinco sets.



Leia Mais:

O amadurecimento de Kyrgios

 

"Fisicamente creio que estarei bem. Tenho todo um dia livre amanhã. Descansarei um pouco depois disso, farei o correto. Estou super emocionado, honestamente. Jogar contra um dos melhores tenistas na quadra central em casa é muito bom. E tenho muito tempo entre agora e a partida. Obviamente será outra batalha física. Nadal é fácil contra ele. Hoje ele teve uma partida relativamente fácil e se sentirá bem. Estou desejando para que chegue logo o jogo, por essas coisas que se é tenista", disse o australiano que já bateu Nadal em três de sete encontros. O último foi em Wimbledon ano passado e o espanhol venceu em quatro sets.

O mesmo repórter que perguntou a Nadal se ele gostava do australiano, direcionou a pergunta a Kyrgios: "Realmente não conheço o Rafa. Nunca saí com ele nada nada. então, eu realmente não sei como ele é. Ele não me desagrada, não o conheço em absoluto. Não o conheço como pessoa, a última vez que o enfrentei foi em Wimbledon. Tivemos um bom jogo, 7/6 no quarto set. Somos dois tenistas diferentes. Jogamos de modo completamente distinto. Depois de Wimbledon, perdi de um jogador melhor que eu, lhe estiquei a mão, apertei, olhei nos seus olhos e disse: 'Muito bem'. Portanto, de qualquer maneira, mesmo que se não nos gostamos, acredito que há um respeito que ambos temos um pelo outro. Isso não significa que nos gostemos", respondeu.

Perguntado sobre como é enfrentar um canhoto, Kyrgios comentou: "Desde o juvenil curto enfrentar canhotos. Sinto que conheço o plano de  jogo que preciso para seus padrões. Porém Rafa é uma fera completamente diferente. Todo mundo conhece seus padrões, não se pode fazer nada pra mudar isso. Federer conhece todos os seus padrões. Mas ele os executa no nível mais alto. Mas eu ainda não estou pensando nesse jogo. Ainda estou lidando com as minhas emoções. Simplesmente gosto de enfrentar canhotos".