X

Kuznetsova: 'Sumyk controla suas jogadoras. Elas não falam com ninguém'

Sábado, 31 de agosto 2019 às 10:55:00 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Em entrevista à EuroSports Rússia, após mais uma vitória no US Open, a russa Svetlana Kuznetsova falou muito sobre seu caminho como jogadora, a forma como mudou seu estilo de jogo e resultados, mas surpreendeu ao revelar método de trabalho de Sam Sumyk.



Um dos mais vencedores treinadores do circuito feminino, Sam Sumyk que até cerca de um mês trabalhava com a espanhola Garbiñe Muguruza, com quem esteve por três anos, tem ainda no currículo trabalhos com a bielorrussa Victoria Azrenka, a canadense Eugenie Bouchard e a russa Vera Zvonareva.

Com Muguruza, o treinador francês conquistou Roland Garros, mas não estava presente na campanha vencedora da espanhola em Wimbledon, e a levou ao posto de número 1. Bouchard ele levou à final de Wimbledon 2014. Já Zvonareva Sumyk levou ao posto de número dois do mundo. Com Azarenka, o francês chegou ao número 1 do mundo e conquistou dois títulos do Australian Open.

O currículo vitorioso, entregou Kuznetsova de maneira espontânea, se dá pelo controle que exerce sobre suas jogadoras. Ao falar sobre amizades no circuito WTA, Kuznestova acabou entregando o francês: "No circuito não há amizades. Amizade é uma coisa radicalmente diferente. Tenho um monte de amigos,, de fato. Mas nos comunicamos [no circuito] diplomaticamente, somos respeitosos quando se deve... acredito que é impossível não se falar a outra pessoa de forma amável, você não quer parecer arrogante. Por exemplo, Muguruza e todas as jogadoras que foram treinadas por Sam Sumyk deixaram de falar com as demais. É a estratégia dele. Ele controla suas jogadoras. Mas eu não sou este tipo de pessoa, ao menos preciso me socializar e falar com as pessoas", declarou.