X

VÍDEO: Tenistas brincam com objetos que fizeram sucesso nos anos 1990

Sábado, 24 de agosto 2019 às 14:48:35 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

A equipe da WTA organizou uma brincadeira com as tenistas mais jovens do top 30 uma brincadeira em que elas tiveram contato com objetos que fizeram sucesso entre crianças e os jovens da década de 1990. As reações das tenistas é bastante divertida.



O primeiro objeto apresentado às tenistas foi um telefone de discagem rotativa. Diante do objeto, a croata Donna Vekic teve uma reação curiosa: "Isso é um telefone, certo? Eu não quero parecer idiota". A estoniana Anett Kontaveit revelou que sua avó possui um destes em casa. Enquanto a japonesa Naomi Osaka e a norte-americana Sofia Kenin tentavam descobrir o jeito certo de fazer a discagem, a romena Simona Halep, a norte-americana Berthanie Mattek Sands e a francesa Caroline Garcia esbanjaram destreza. Ao entender o funcionamento, as tenistas se divertiram em ligações fictícias. 

O segundo objeto foi um walk-man, bem apresentado pela letã Jelena Ostapenko: "Esta é a forma como as pessoas ouviam música muitos anos atrás". Daí em diante as tenistas tentaram fazer uso do objeto. Kenin e Kontaveit sequer retiraram as fitas K7 das capas para colocar no player. Osaka e a bielorrussa Aliaksandra Sasnovich tiveram problemas com as fitas e quase as quebraram. No fim, a ucraniana Elina Svitolina comemorou conseguir fazer o uso do walk-man: "Meu Deus, eu consegui. É muito fácil". A alemã Angelique Kerber demonstrou-se muito à vontade com o equipamento e no fim, as tenistas se divertiram ouvindo músicas. A bielorrussa Aryna Sabalenka cantou e a grega Maria Sakkari dançou.

Quando a equipe da WTA entrega as tenistas um exemplar do 'Tamagochi', Kerber, Garcia e outras reconhecem instantaneamente o brinquedo japonês que foi febre no mundo no fim dos anos de 1990. Kasatkina demonstrou emoção ao rever um exemplar. Garcia revelou que com medo de que seu Tamagochi morresse, o entregava a sua mãe quando ia a escola e pedia que ela o mantivesse vivo e bem. Já a tcheca Petra Kvitova teve uma relação diferente com o brinquedo: "Eu nunca tive um desses e na verdade eu tinha ciúmes dos meus coleguinhas de classe que tinham um". 

Diante do livro de "mágica em 3D", que nada mais era do que um livro com ilustrações que com a atenção ocular traria outras imagens a quem o assistia, as tenistas tentaram reviver a brincadeira sem sucesso. Kasatkina demorou a recordar-se de como brincava com o objeto, enquanto a belga Elise Mertens revelou amar o 'brinquedo'.

Diante de um "view-masters", um objeto para ver pequenas fotos em imagens grandes, diversas tenistas revelaram que sequer conheciam o objeto, mas logo entenderam o funcionamento. Sakkari se divertiu vendo os animais das imagens, assim como Garcia. Ostapenko se divertiu, mas achou que o brinquedo era pequeno: "Isso é para os dois olhos? Nossa, pra mim serve para um olho só", disse rindo. Kasatkina resumiu a brincadeira: "Isso é realmente muito divertido para uma criança, mas não mais para mim".

Ao fim do vídeo, as tenistas tiveram contato com o famoso "ruído" de conexão discada da internet.

Confira o vídeo na íntegra: