X

Bautista estreia no top 10. Medvedev no top 5. Gasquet e Rublev dão salto

Segunda, 19 de agosto 2019 às 06:32:46 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

A atualização desta segunda-feira no ranking da ATP, traz a estreia do espanhol Roberto Bautista Agut no top 10 e do russo Daniil Medvedev, grande campeão do Masters de Cincinnati no top 5. Já o belga David Goffin, vice no torneio, volta ao top 15.



Leia mais

Top 5, Medvedev é o melhor russo no circuito em 9 anos

Aos 31 anos, Roberto Bautista Agut faz sua estreia entre os 10 melhores tenistas do mundo. Natural de Castellón De La Plana, Bautista é o segundo tenista do ano a estrear no top 10 após os 30 anos. Em 10 de junho deste, o italiano Fabio Fognini, de 32 anos, fez sua estreia na lista dos 10 melhores e atualmente é o 11º.

A chegada de Bautista ao top 10 devolve dois tenistas espanhóis a lista, que tem Rafael Nadal como vice-líder. A Espanha não tinha dois jogadores no top 10 desde fevereiro de 2018, quando Pablo Carreño Busta deixou o top 10.

Campeão do Masters 1000 de Cincinnati aos 23 anos, o russo Daniil Medvedev conquistou três posições no ranking da ATP e como maior vencedor de jogos da temporada 44 vitórias e 16 derrotas, alcançou o posto de quinto do mundo.

Vice-campeão nos Estados Unidos, David Goffin está de volta ao top 15 após 10 meses. O belga, atual 15º da ATP após ganhar quatro posições, deixou a lista dos 15 melhores do mundo em outubro de 2018, quando. era 12º.

A grande campanha do francês Richard Gasquet, que fez semifinal no Masters, lhe rendeu um salto de 22 posições, que o colocou como 34º da ATP. Seu compatriota Lucas Pouille, que fez quartas, o ganhou cinco colocações e ele é o atual 26º do mundo.

Algoz de Federer dá salto

O russo Andrey Rublev, que derrotou nas oitavas de final do torneio, o suíço Roger Federer somou pontos importantes 23 posições e o garantiu como 41º da ATP. O tenista de 21 anos tem como melhor ranking o registro de 31º alcançado em fevereiro de 2018