X

Barty sobre Nº1: 'Nada mudou na minha vida'

Terça, 06 de agosto 2019 às 09:05:00 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

A líder do ranking mundial, a australiana Ashleigh Barty conversou com os jornalistas no inicio do WTA Premier de Toronto, no Canadá, e falou sobre como tem sido esse período de um mês no topo do ranking e de como tem se dedicado para manter-se no topo.



"Há um pouco mais de atenção agora, um pouco mais de foco. Estou falando com vocês [a imprensa] mais e mais por agora, mas não sinto que tenho muito a dizer", contou a australiana aos jornalistas em Toronto.

“Para mim, realmente, nada mudou. É tudo muito normal, é tudo parte integrante do que fazemos no circuito enquanto jogadoras de tênis”, completou.

"Tem sido um turbilhão bizarro nestes poucos meses para mim, mas foi muito bom voltar para casa e relaxar com a família. Eu acho que é um pouco quando isso acontece um pouco mais", relatou ela que passou as semanas após Wimbledon na Austrália. “Essa foi a melhor coisa, apenas poder compartilhar isso com aqueles que eu mais amo, acima tudo sobre o que eu passei nos últimos dois ou três meses”, completou.

Questionada sobre estar entre os grandes nomes do tênis australiano, Barty rechaçou: “Quando penso em lendas e campeões, particularmente no lado das mulheres, penso em Evonne [Goolagong], Alicia [Molik] e Casey [Dellacqua], aos meus olhos. São apenas pessoas genuínas que tiveram um grande desempenho e foram a melhor versão de si mesmas, fizeram o melhor que puderam e se aplicaram todos os dias".

“Estou tentando cuidar da  minha carreira da mesma maneira. Estou tentando melhorar como pessoa e jogadora todos os dias. Eu ainda estou com muita fome e impulsionada para tentar progredir e melhorar a cada dia”, finalizou.