X

Aliassime vence Ramos em jogo duro e está 4ªs em São Paulo

Quinta, 28 de fevereiro 2019 às 18:30:00 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Por Ariane Ferreira  - O jovem canadense Felix Auger Aliassime, 60º do ranking da ATP, segue muito à vontade na altitude de São Paulo e sacando muito bem, superou o espanhol Albert Ramos Viñolas, 86º, e está nas quartas de final.



Aliassime precisou de 2h11 para fechar o placar em 7/6 (2) 7/6 (3) tendo disparado 16 aces contra três do espanhol, que venceu 71% dos pontos jogados com seu primeiro serviço contra 85% de aproveitamento do canadense.

No primeiro set, o  canadense abriu 4/1 com quebra no quarto game após muita pressão e após oito igualdades e 12 minutos de disputa. O espanhol ainda salvou quatro breakpoints no sexto game e acabou devolvendo a quebra, num "lapso de atenção", como classificou Aliassime, no nono game, quando o jovem sacava para o set. A disputa foi para o tiebreak.

Ali, Aliassime foi superior: "Nos tiebreaks consegui sacar melhor e manter-me mais centrado na bola e esta foi a diferença da partida", resumiu.

Na segunda etapa, com muito equilíbrio entre os dois tenistas, a disputa teve uma chance de quebra no oitavo game para o espanhol, neste ponto, Aliassime sofreu uma pequena torção no joelho, caiu em quadra e precisou de atendimento, voltando para salvar a quebra e empurrar a disputa para um segundo tiebreak, que foi retrato do primeiro.

"Aquilo no tornozelo foi um susto, doeu, mas o fisioterapeuta da ATP colocou uma bandagem e fiquei estabilizado para poder voltar e jogar", declarou em entrevista coletiva. O jovem ainda citou que precisa cuidar do tornozelo e buscar estar livre de lesões para poder alcançar seu objetivos.

Vice-campeão no Rio de Janeiro, Aliassime verificou o aumento da velocidade comparando uma quadra à outra, "Além das condições de que lá é mais úmido, quente e no saibro descoberto", ressaltou. Porem vê grandes possibilidade de ir bem em São Paulo; "Eu tenho sacado muito bem e isso tem feito a diferença nos meus jogos. mas eu preciso estar forte para o próximo jogo".

Questionado se as condições em São Paulo podem ajudá-lo a superar Laslo Djere, que pode vir a ser seu adversário nas quartas de final numa repetição da final do Rio Open, Aliassime não quis conjecturar, mas pontuou que "ter sacado mal" na final do torneio carioca fez diferença em favor do sérvio.