X

Osaka esbanja maturidade em sua segunda final de Slam

Quinta, 24 de janeiro 2019 às 12:39:10 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Aos 20 anos de idade, a japonesa Naomi Osaka está em sua segunda final de Grand Slam da carreira e vai brigar por algo enorme para alguém de sua idade: a liderança do ranking da WTA. Apesar da alta aposta, a tenista demonstra muita maturidade e preparação.



“Não sei se joguei meu melhor tênis, pode ser, o que sei desta partida é que nunca me rendi, e disso estou realmente orgulhosa. Houve um momento da partida em que vi que o fim estava chegando e pensei que não perdoaria se tivesse um pequeno tropeço, demoraria muito a aceitar esta derrota”, refletiu.

“Sei que estou diante de algo muito importante para mim, um dos maiores objetivos que eu tenho desde que joguei as quartas de final e percebi que era uma meta real. Agora mesmo, o objetivo principal é vencer o torneio, penso que o ranking virá um dia. Acredito que sou muito melhor quando foco em apenas um objetivo”.

“Tudo é um pouco surreal ainda, mas isso me ajuda a me dar conta do trabalho que estou realizando e que realizei na pré-temporada. Cada partida que joguei no torneio foi com meu maior esforço. Ainda não posso crer na realidade que estou vivendo, só penso em seguir adiante”, analisou a primeira japonesa a fazer final na Austrália.

Apesar da pouca idade, a tenista demonstra muita maturidade e pé no chão ao avaliar sua carreira. “Quando tenho uma derrota tão dura como a que tive em Brisbane, a última até o momento, sinto que aprendo muito com ela. O mais importante que tirei daquela partida é que não estava dando 100% de mim e por isso perdi, simplesmente aceitei a derrota e parei de lutar. Neste torneio não estava 100% focada em vencer o título, apenas queria dar 100% de mim em cada ponto. No entanto, sigo aqui, e sinto que tudo está funcionando, felizmente”.