X

Kvitova supera sensação Collins e é a primeira finalista em Melbourne

Quinta, 24 de janeiro 2019 às 02:55:19 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Bicampeã em Wimbledon em 2011 e em 2014, a tcheca Petra Kvitova está em mais uma final de Grand Slam na carreira. Mais uma vez sem perder sets, ela venceu a norte-americana Danielle Collins e se garantiu na decisão do Australian Open. Kvitova segue em busca também do topo da WTA.



Veja mais:

Osaka bate Pliskova e decide o Aberto da Austrália e o número 1 com Kvitova

 

Com as parciais de 7/6(2) 6/0 em 1h33 de duração, Kvitova, número 6 do mundo e oitava cabeça de chave na competição, superou Collins para anotar a sua sexta vitória em sets diretos em seis jogos no torneio, sendo a sua 11ª consecutiva no circuito. Ela se garantiu pela terceira vez na última rodada de um torneio deste porte, superando o melhor resultado em Melbourne até então, que havia sido a semifinal de 2012.

Sets muito distintos marcaram o duelo desta quinta-feira. Enquanto o primeiro teve uma quebra de saque para cada lado e definição apenas no tie-break, com a tcheca levando a melhor e saindo na frente, a segunda parcial contou com Kvitova quebrando no primeiro, no terceiro e no quinto game, fechando a partida com um pneu.

Virtualmente como segunda colocada do ranking mundial, Petra pode terminar o evento na liderança. Para isso, a ex-top 2 vai precisar conquistar o troféu no Melbourne Park, onde caiu logo na estreia no ano passado.

Vinda da conquista do WTA Premier de Sydney na semana anterior ao Slam australiano e de olho no 27° caneco como profissional, a atleta da República Tcheca de 28 anos vai encarar a japonesa Naomi Osaka, quarta favorita, ou a sua compatriota Karolina Pliskova, cabeça sete.

Já Danielle, apesar da derrota na semi, tem muitos motivos para sair de cabeça erguida. Atual 35ª colocada, ela conseguiu suas primeiras vitórias em chaves principais de Majors e alcançará seu melhor ranking, ficando em torno do 23° lugar na próxima segunda-feira.

Veja o momento da celebração de Kvitova: