X

Pliskova salva quatro match-points e elimina Serena em Melbourne

Quarta, 23 de janeiro 2019 às 02:31:45 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Número 8 do ranking mundial, a tcheca Karolina Pliskova superou a norte-americana Serena Williams de uma forma dramática nesta quarta-feira no Australian Open. Ela salvou quatro match-points e rumou à semifinal do primeiro Grand Slam do ano.



Com 6/4 4/6 7/5 em 2h09, Pliskova, sétima favorita, venceu Serena, 16ª melhor jogadora do torneio e da WTA, para se garantir, em Melbourne, pela terceira vez na carreira na penúltima rodada de um evento deste porte, sendo a primeira no Slam australiano. Esta foi a segunda vitória da tcheca em quatro jogos entre as duas.

Uma única quebra definiu a primeira parcial do duelo. Karol superou o serviço da adversária logo no terceiro game, sustentou bem o seu saque e saiu com um 6-4.

No segundo set, as jogadoras alternaram quebras entre o quinto e o sexto game e depois confirmaram até o décimo, quando Williams conseguiu quebrar e empatar o confronto.

Na terceira e decisiva parcial, veio o drama e a virada histórica. Serena abriu 5-1, com duas quebras de vantagem, mas torceu o tornozelo em quadra e começou a sentir dores após ter perdido um game de serviço. Karolina buscou o empate em 5-5, obteve uma nova quebra e sacou, na sequência, vencendo seu sexto game consecutivo e sacramentando o resultado incrível.

Buscando sua segunda final de Major (foi vice no US Open 2016), Karolina vai enfrentar a japonesa Naomi Osaka, quarta cabeça de chave, que superou a ucraniana Elina Svitolina por 6/4 6/1. No histórico, dois triunfos em três confrontos para Pliskova.

Vale destacar que o duelo será um confronto direto na briga pelo topo do ranking que será divulgado após a competição. A atleta da República Tcheca já ocupou essa posição.

Já a heptacampeã na Austrália, Serena Williams, vê a chance de igualar o recorde de conquistas de Grand Slam da australiana Margaret Court ser adiada mais uma vez. Enquanto Serena tem 23 troféus, Court tem 24.