X

Strycova abre a final da Fed Cup diante dos Estados Unidos em Praga

Sexta, 09 de novembro 2018 às 11:21:55 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Desfalcada de última hora de sua número 1, Karolina Pliskova, a equipe da República Tcheca, do capitão Petr Pala convocou a jovem Barbora Krejcikova, que verá sua xará, Barbora Strycova, abrir o confronto da grande final contra os Estados Unidos.



O capitão tcheco não escalou sua número 1 e sétima do mundo, Petra Kvitova, para os duelos de simples e Strycova, 33ª da WTA, abrirá o confronto contra a número dois americana Sofia Kenin, 53ª da WTA.

A exemplo de Pala, a capitã americana, Kathy Rinaldi também teve problemas para escalar a equipe, com as baixas das irmãs Williams, Serena e Vênus, e de Sloane Stephens e Madison Keys. A número 1 da equipe de Rinaldi, Daniele Collins, a exemplo de Kvitova, não está escalada para jogos de simples.

Após o duelo entre Strycova e Kenin, que nunca se enfrentaram no circuito profissional, Katerina Siniakova, 31ª da WTA, conta com apoio do torcida na Arena O2 de Praga e encara Alison Riske, 63ª, a quem enfrentou três vezes no circuito profissional e venceu duas.

No domingo, o confronto abre com o jogo entre Kenin e Siniakova, que nunca se enfrentaram no circuito, e será sequenciado por Strycova e Riske, que se enfrentaram duas vezes no circuito, ambas vencidas pela tenista tcheca.

Em caso de empate, o título será decidido no duelo de duplaspela República tcheca jogam Kreijcikova e Siniakova contra Collins e Nicole Melichar.