X

Djokovic retorna ao Nº 1 e buscará recorde

Segunda, 05 de novembro 2018 às 09:23:29 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

A segunda-feira marca o retorno do sérvio Novak Djokovic ao topo do ranking da Associação dos Tenistas Profissionais após dois anos. O sérvio somou 600 pontos da final do Masters 1000 de Paris, na França, e deixou Rafael Nadal para trás.



Veja os líderes do ranking na história!

 

Djokovic foi aos 8045 pontos diante de 7480 de Rafael Nadal. Roger Federer descartou 600 pontos do ATP World Finals e somou 360 de Paris, caindo para 6020 e sem mais chances de lutar pelo topo ao fim deste ano.

Djokovic se torna o primeiro fora do top 20 a atingir o topo no mesmo ano desde Marat Safin que em 2000 saiu do 38º lugar para a liderança. O natural de Belgrado chegou ao 22º posto em maio e deu uma arrancada conquistando cinco dos últimos sete torneios jogados, entre eles Wimbledon e o US Open.

O sérvio agora busca o novo recorde ao fim do ano. O tenista com pior ranking e ascender e terminar no topo foi Andre Agassi em 1999 que saiu do 14º lugar.

 

“Refletindo no que passei ano passado é um acontecimento fenomenal. E claro, estou muito, muito feliz e orgulhoso disso. Cinco meses atrás, se você me dissesse que eu seria - sempre acredito em mim, mas era muito improvável considerando meu ranking, a maneira com que jogava e me sentia em quadra. Provavelmente serei capaz de falar quando o ano terminar e espero finalizar no topo", disse o sérvio que precisa de uma final invicto no ATP World Finals para terminar o ano no topo sem depender dos resultados de Nadal.