X

Khachanov, após maior título, em Paris: 'Isso significa o mundo para mim'

Domingo, 04 de novembro 2018 às 16:20:34 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Karen Khachanov foi o responsável, neste domingo, por um dos resultados mais surpreendentes do ano. Vencendo Novak Djokovic na decisão, o russo de 22 anos faturou o Masters 1000 de Paris, na França. Ele expressou seus sentimentos em palavras.



"Isso significa o mundo para mim. Eu não poderia estar mais feliz em terminar a temporada assim", iniciou o russo, após ganhar o maior título de sua carreira. "Uma das minhas maiores conquistas, em uma época inovadora. Diria que é um bom fim de ano para mim. Por mais que eu não esteja chorando, eu ainda estou muito feliz", disse ele.

Sobre seu adversário na final (Djokovic), Khachanov enfatizou o fato de não poder perder a concentração nem por um instante.

"Uma coisa é que, com o Novak, você não pode simplesmente ir para a rede porque ele tem inacreditáveis ​​passadas. Você realmente tem que preparar o ponto até o fim. Você tem que escolher os golpes certos e, quando você puder, entrar e ir para a rede. No geral, meu jogo é agressivo e eu tenho que tentar entrar mais e jogar mais vezes da maneira como joguei", finalizou Karen.

Com o resultado, o jovem ficará apenas a 320 pontos de alcançar o norte-americano John Isner e entrar no top 10 do ranking pela primeira vez.