X

Djokovic classifica como especial rivalidade com Federer

Sábado, 03 de novembro 2018 às 18:10:00 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Após vencer o suíço Roger Federer em batalha de 3h na semifinal do Masters 1000 de Paris-Bercy, o sérvio Novak Djokovic, novo número 1 do mundo, classificou o clássico contra o suíço como "especial" e analisa rival na final.



Sobre a batalha épica contra Federer, Nole pontuou: "Já jogamos grandes jogos, esta é a verdade, mas este definitivamente está entre os melhores. Houve uma alta qualidade de tênis. Com o jogo contra o Nadal nas semifinais de Wimbledon, este é claramente o jogo mais emocionante que já joguei. E provavelmente aquele com o melhor tênis. Era algo esperado porque quando tenho que jogar com Roger, sei que terei que dar o melhor de mim para vencer. É por isso, que nossos jogos e nossa rivalidade são tão especiais".

Djokovic foi questionado sobre o fato de ter jogado uma partida muito longa e se teria tempo hábil para se recuperar para a final neste domingo: "Foi uma partida muito intensa, que me levou a energia, mas conheço bem o meu corpo e sei que posso me recuperar. Eu farei tudo para isso".

O sérvio foi perguntado sobre o que espera de Khachanov nesta grande final e opinou: "Karen merece estar onde está, na final. Além de um jogo, ele ganhou tudo em dois sets. Ele joga um tênis muito bom, sólido do fundo da quadra com um grande serviço. Eu acho que ele está jogando seu melhor tênis agora. Tenho certeza que ele estará muito motivado amanhã para ganhar o título. Ele não tem nada a perder", finalizou.