X

Novo Nº 1, Djokovic vai às quartas em Paris e vence a 20ª seguida

Quinta, 01 de novembro 2018 às 11:30:27 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Sabendo que será número 1 do mundo na próxima segunda após a desistência de Rafael Nadal, o sérvio Novak Djokovic precisou de apenas um set para chegar às quartas de final do Masters 1000 de Paris, evento com 4,4 milhões de euros em premiação.



Pela primeira vez na carreira encarando o bósnio Damir Dzumhur, 52° do ranking, Djokovic venceu o primeiro set por 6/1 e marcava 2/1 no segundo, já com uma quebra de vantagem, quando viu o adversário abandonar a partida com dores nas costas com 53 minutos de partida. É a 20ª vitória consecutiva de Djoko no circuito.

Sem perder um set sequer desde a segunda rodada do US Open, Novak venceu sua 29ª parcial consecutiva, igualando seu recorde do fim de 2015.

Nas quartas de final em Paris, o tetracampeão encara o croata Marin Cilic, cabeça de chave número cinco e sétimo do mundo, que venceu nesta quinta o búlgaro Grigor Dimitrov (10° do ranking) por 7/6(5) 6/4. Djokovic e Cilic já se enfrentaram 17 vezes no circuito. São 15 vitórias do sérvio, que venceu o último duelo entre eles, durante a semifinal do Masters de Cincinnati, em três sets. 

 

O JOGO 

Começando a partida num ritmo bem forte, Djokovic conseguiu a primeira quebra do jogo já no quarto game do jogo e consolidou a vantagem sacando muito bem e buscando a rede com frequência. No sexto, Dzumhur, sentindo um desconforto nas costas, lutou por mais de 11 minutos, mas novamente teve seu serviço quebrado. Antes de servir para o set, Djoko aguardou o atendimento médico para as costas do bósnio. Na volta, sem dificuldades, venceu o quinto game consecutivo e largou na frente na partida de oitavas.

Damir começou bem a segunda parcial ao confirmar seu saque sem maiores dificuldades. Porém, ao ter o seu saque rompido novamente por Novak no terceiro game, desistiu da partida com fortes dores e colocou o sérvio nas quartas na capital francesa.