X

Quase 400 atletas de 13 países disputam torneio de Itajaí

Quinta, 04 de outubro 2018 às 12:52:33 AMT

Link Curto:

Tênis Juvenil

A partir deste sábado 379 atletas de 23 países vão lotar as quadras do Itamirim Clube de Campo, em Itajaí (SC), para a disputa da 10ª edição da Copa Santa Catarina Internacional de Tênis, torneio que vem se tornando tradicional no calendário da cidade catarinense e conta pontos para o ranking mundial juvenil da ITF, a Federação Internacional de Tênis, até 18 anos.



A competição larga com as disputas do qualifying neste sábado e domingo e a chave principal que começa na segunda-feira, dia 8, e termina no domingo, dia 14. Na categoria principal destaque para a presença da paranaense Maria Mauad, filha do craque do futebol, Alex, que brilhou no Cruzeiro, Palmeiras, Flamengo, Fenerbache e jogou pela Seleção Brasileira. A jovem de apenas 14 anos passou o quali de torneio em Salvador (BA) e somou seus primeiros pontos no ranking mundial caindo nas oitavas de final diante de favorita.
"A campanha na Bahia foi muito boa, me animou muito para seguir treinando firme para a disputa do torneio em Itajaí. Vou com tudo buscar a vaga na chave", disse a tenista.
O primeiro final de semana terá as disputas repletas do qualifying das categorias 16 e 14 anos que valem pontos para o ranking Sul-Americano do Cosat. No final de semana será jogado o Tennis Kids nas disputas até 10 anos. A partir do dia 9 será disputado o torneio de 12 anos com pontos para o ranking da Confederação Brasileira de Tênis
Ano passado o título do masculino ficou com Natan Rodrigues, que tinha 15 anos e erguia sua maior conquista. Hoje ele ocupa o 61º lugar no ranking mundial e foi títular do time brasileiro que disputa o Mundial de 16 anos, a Copa Davis juvenil, no fim de setembro em Budapeste, na Hungria. No feminino a campeã foi Jaedan Brown, dos Estados Unidos.
Duas atletas que estiveram no Mundial no feminino pelo Brasil estão entre os destaques, a goiana Nalanda Silva, oriunda de projeto social em Minaçu (GO), número dois do ranking Sul-Americano até 16 anos, e a também goiana Lorena Cardoso.
O torneio tem por tradição revelar grandes talentos. O primeiro campeão, na edição 2009, foi Thiago Monteiro, atual número 1 do país que já figuou no top 80 do mundo e derrotou nomes como Jo-Wilfried Tsonga quando era top 10 mundial. Em 2013 o mineiro João Menezes levantou o troféu e hoje ocupa um lugar entrs os 300 melhores do mundo e quarto melhor do país no profissional. Vencedora em 2014, Thaísa Pedretti hoje está entre as cinco melhores do país no profissional e Marcelo Zormann, vencedor em 2012, levantou o título de Wimbledon nas duplas juvenil, o evento com maior prestígio do tênis.
O torneio terá atletas de pelo menos 13 países. São jogadores do Brasil, Peru, Finlândia, Grã-Bretanha, Colômbia, Argentina, Paraguai, Estados Unidos, Índia, Uruguai, Chile, Itália e Holanda.
anta Catarina virá com grande número de atletas em busca de títulos e boas campanhas em todas as categorias, em especial os atletas de Itajaí: "Esse ano o nosso destaque é a quantidade de jogadores da ADK TENNIS que irão participar do evento, cerca de 30, e dentro da nossa nova perspectiva em trabalhar bastante na formação de jovens jogadores este é um número muito bom", apontou Luiz Peniza, técnico da equipe sediada no Itamirim Clube de Campo.
Todos os Campeões:
2017 - Natan Rodrigues (BRA) / Jaedan Brown (EUA)
2016 - Matheus Pucinelli (BRA) / Vitoria Okuyama (BRA)
2015 - Lucas Koelle (BRA) / Anastasia Imachkine (PER)
2014 - Igor Marcondes (BRA) / Thaísa Pedretti (BRA)
2013 - João Menezes (BRA) / Isabella Camargo (BRA)
2012 - Marcelo Zormann (BRA) / Jazzi Plews (GBR)
2011 - Pedro Dumont (BRA) / Eduarda Santos (BRA)
2010 - Bruno Sant´Anna (BRA) / Raffaela Miiller (BRA)
2009 - Thiago Monteiro (BRA) / Catalina Pella (ARG)

A 10ª Copa Santarina Internacional de Tênis tem o patrocínio da Taroii, Heusi, Correios e Grupo Promenac Camvel. O evento conta com o apoio das Águas Santa Rita, Peugeot, Compañion, Mormaii, Vivano Sports, Hotel Vitória e FMEL Itajaí. O evento é uma realização da Federação Catarinense de Tênis e do Itamirim Clube de Campo e conta com a organização ADK Tennis. A competição tem a chancela da Confederação Brasileira de Tênis contando com a supervisão da Federação Internacional de Tênis e da Confederação Sul-Americana de Tênis.