X

Djokovic põe fim a série de Federer e Nadal em Slams e busca o top 10

Sábado, 14 de julho 2018 às 12:28:44 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

A vaga na final de Wimbledon de Novak Djokovic com vitória sobre Rafael Nadal com 10/8 em batalha de 5h14min em dois dias fez com que uma série do espanhol e de Roger Federer fosse quebrada em títulos de Grand Slam em sequência.



O suíço e o espanhol vinham conquistando todos os Majors desde o início de 2017 com Federer faturando o Australian Open daquele ano e de 2018 e Wimbledon de 2017 e Rafael Nadal ganhando nas duas temporadas Roland Garros e o US Open passado. 

O sérvio pode voltar a sentir o gostinho de levantar um Slam desde seu triunfo em Roland Garros em 2016. De lá para cá ele chegou na final do US Open do mesmo ano perdendo para Stan Wawrinka e foi ladeira abaixo no último um ano e meio.

É bom lembrar que o outro finalista, Kevin Anderson, joga sua segunda final de Slam e tenta troféu inédito, foi o algoz de Federer nas quartas de final.

A derrota na semifinal neste sábado foi a primeira de Nadal nesta fase de um Slam desde o US Open de 2009 quando caiu para Juan Martin Del Potro. De lá para cá Nadal vinha de 16 vitórias nas 16 semis que jogou em Majors. Ele tem 17 títulos na carreira.

A vaga na final deixa Djokovic no 11º lugar e caso conquiste o título ficaria no 10º, voltando ao top 10 desde outubro do ano passado. Anderson é no momento o 5º e se vencer o torneio pularia para o quarto posto.