X

Top 100, argentino é suspenso por 3 anos por corrupção

Terça, 19 de junho 2018 às 12:08:25 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Dias após Federico Coria, irmão e pupilo do ex-top 3 Guillermo Coria, ser condenado a oito meses de suspensão, mais um argentino foi suspenso por manipulação de resultados. O 100º da ATP, Nicolas Kicker, terá que pagar três anos de suspensão.



Leia Mais:

Federico Coria é suspenso por oito meses

 

Kicker havia sido sancionado por seis anos mais multa de US$ 25 mil, R$ 90 mil, por manipular resultados no challenger de Padova em julho de 2015 e Barranquilla, na Colômbia, em setembro do mesmo ano. No último dia 25 de maio ele havia sido considerado culpado, mas como não cometeu mais ofensas ao código anti-corrupção do tênis sua pena de seis anos foi reduzida pela metade.

A punição começa a ser cumprida a partir de 24 de maio e ele só poderá voltar a jogar em 2021.