X

Prima de Guga, Duda Kuerten dá primeiros passos no Beach Tennis na Copa Rio

Domingo, 29 de abril 2018 às 22:17:31 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Um sobrenome famoso atuou nas quadras da orla de Piratininga, em Niterói (RJ) neste final de semana. Kuerten é sinônimo de sucesso no tênis e trilha seus primeiros passos no Beach Tennis.



A prima do ex-número 1 do mundo e tricampeão de Roland Garros, Gustavo Kuerten, Maria Eduarda Kuerten, disputou a categoria amadora C (Iniciante) e após passar a primeira fase de grupos e quartas de final, parou neste domingo na semifinal em jogo apertado na 2ª Copa Rio de Beach Tennis, evento que vai até segunda-feira em parceria com a Prefeitura Municipal através da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer. A competição distribui um total de R$ 60 mil, quase o dobro da primeira edição de 2017 que distribuiu R$ 35 mil, e tem 350 atletas de 16 estados do Brasil mais países como Alemanha e Argentina.

O apelido é quase igual ao do parente famoso e ela estampa "Duda" na camisa de jogo. Ela é publicitária, tem 27 anos e sua avó é tia do jogador que liderou o ranking por 43 semanas e é um dos maiores ídolos do tênis mundial. Maria Eduarda, ou "Duda Kuerten", jogou tênis por quatro anos apenas como hobbie e largou o esporte para se dedicar ao Beach Tennis há quatro meses quando passou a treinar duas vezes por semana e disputar seus primeiros campeonatos em Florianópolis. A Copa Rio Beach Tennis é apenas a segunda competição onde deixa seu estado, para ela de fato a primeira de muitas que virão.

"Comecei a brincar na praia tem mais ou menos um ano e há quatro meses é que comecei a treinar mais firme, estou mudando para praticar três vezes na semana. Joguei tênis por quatro anos, mas bem por hobbie e parei para o Beach Tennis onde estou competindo e comecei a viajar para campeonatos fora do meu estado e no tênis. Joguei um torneio de uma amiga no Paraná. Vi a Copa Rio ano passado, temos uma colega de Floripa que jogou, falou que é muito bom, na época eu nem jogava e quando abriu inscrição esse ano a gente correu e se inscreveu", disse Duda Kuerten que elogiou a competição: "O evento está maravilhoso, muito bem organizado, galera se respeita muito, está show de bola. Perdemos na semi, mas estamos muito felizes. Se eu pudesse eu jogaria muito mais eventos fora de casa, mas com certeza voltarei ao Rio este ano para jogar, a Cidade é maravilhosa".

Maria Eduarda comenta que vê Guga mais nos eventos de família onde até rolam pequenos campeonatos internos de tênis e que o primo famoso dá dicas que utiliza no Beach Tennis.

"A gente se vê em eventos de família, almoços, mas a mãe dele (Alice), as outras tias temos contato frequente, grupo de família no whatsapp. Guga sabe que estou indo mais firme no Beach Tennis, ele joga Beach de vez em quando por hobbie, tem mão boa não é ? (risos) por enquanto não joguei com ele no Beach, mas conversamos, ele me dá dicas mais na parte de nervosismo e principalmente de comer banana não é ? Tênis a gente já jogou junto, festa de família, almoço a gente faz campeonatos, mas nada muito sério".

Duda conta que sente o quanto o sobrenome pesa quando sai de Santa Catarina: "Lá em Floripa é mais o pessoal curioso de fora que pergunta, esse sobrenome é bem comum lá, quando eu saio de Floripa a gente se dá conta do quanto ele é grande, uma vez na imigração para entrar nos Estados Unidos o policial olhou o passaporte e falou 'jesus, você é prima do Guga ?' daí eu pensei 'mas é grande mesmo'. "

Duda Kuerten atuou com Paula Lamego e acabaram derrotadas por apertados 8/6 na semifinal diante de Nargela Santos e Vanessa Silveira. As campeãs foram Paula Barbosa e Virginia Ventura marcando 8/6 sobre as algozes de Duda Kuerten e Lamego.

Os outros campeões foram definidos. Na Dupla Masculina C, título para Gabriel Correa e Luiz Felipe Silva que na final derrotaram Gabriel Matos e Lucas Pinho por 8/3. No masculino B caneco para Jair Assunção e João Felipe Poli que marcaram 8/4 sobre Nicolas Simioni e Glauco Sousa. Na Dupla Masculina A, Avançado, troféu para Wesley Fernandes e Gabriel Silva fazendo 8/1 sobre Josué Jesus e Rodrigo Melo.

Entre as meninas na categoria B o troféu ficou com Anna Carolina Graczyk e Clarice Menezes que derrotaram na final Carolina Querino e Maria Amélia Simão por 8/5. Na principal categoria amadora feminina troféu para Cristiane Felizola e Silvia Oliveira que fizeram 8/4 em Elizabeth Bertoni e Letícia Costa.

Só para os amadores são R$ 30 mil, sendo R$ 26 mil para as Duplas Masculinas e Femininas A (Avançado), B (Intermediário) e C (Iniciante). Foram distribuídos R$ 14 mil para a categoria Avançado, R$ 8 mil para a Intermediário e mais R$ 4 mil para os Iniciantes. Os Veteranos, que jogaram na sexta-feira, ganharam R$ 4 mil para 40+ e 50+.

O profissional será jogado nesta segunda-feira a partir das 9h com premiação total de R$ 30 mil, sendo R$ 15 mil para os homens mais R$ 15 mil para as mulheres em jogos que vão durar o dia inteiro.

O dia segue com shows, a disputa da Team CUP, torneio por equipes entre os amadores, mais festival de cervejas artesanais e food trucks. Dentre os destaques das cervejas artesanais, as cervejarias Buzios com a Witbier, que foi considerada a melhor do mundo, além da IPA (Indian Pale Ale). Teremos também a Jeffrey, que tem uma Witbier chamada Niña, que por três anos seguidos foi eleita a melhor cerveja do Mondial de La Bierre, o principal festival de Cervejas do país, e presença da cervejaria Mohave. Dentre a gastronômia, hamburgueres artesanais passando por tapiocas, crepes até churros.

Programação da 2ª Copa Rio Beach Tennis:

30 / Abril / SEGUNDA

09h00

Masculino / Feminino PRO
Mista (A,B e C)


A Green Night e a Copa Rio de Beach Tennis têm a parceria com a Prefeitura de Niterói em Parceria com a Prefeitura Municipal através da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer, conta com o apoio da Neltur, Hospital Icaraí, Multicenter e Predialnet.