X

2ª Copa Bahiano bate recorde com 452 atletas no Brasileiro Interclubes

Segunda, 09 de abril 2018 às 15:20:30 AMT

Link Curto:

Tênis Juvenil

O Clube Bahiano de Tênis, no bairro da Barra, em Salvador (BA), vai receber, a partir desta sexta-feira, dia 13, até o dia 27 de abril, o recorde de atletas no Campeonato Interclubes Brasileiro juvenil. A 2ª Copa Bahiano de Tênis, a etapa inaugural da edição 2018 para o Circuito Nacional Juvenil GA da CBT, o maior circuito juvenil organizado pela Confederação Brasileira de Tênis, terá a presença de 452 atletas entre os melhores jogadores e os melhores clubes nacionais. O evento tem a parceria com o Comitê Brasileiro de Clubes e a Federação Baiana de Tênis.



As inscrições quadruplicaram em relação ao ano de 2017 na primeira edição do torneio na capital baiana que na época recebeu 116 inscritos de 13 estados brasileiros. O evento será jogado nas categorias 12 e 14 anos, entre os dias 13 e 16 de abril e 17 até 20 de abril, e nas categorias 16 e 18 anos nos dias 20 até 23 e 24 até 27 de abril.

Serão 15 estados representados (Bahia, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Alagoas, Ceará, Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais, Espírito Santo, Rio GRande do Sul, Paraná, Santa Catarina, Distrito Federal, Goiás, Pará) de vários dos maiores clubes do país, alguns tradicionais pelo futebol como o Vasco da Gama que volta a receber a campeã do ano passado na categoria 16 anos, Camilla Lago, o Sport Recife, Goiás e o Paysandu. A Bahia virá com o Clube Bahiano representado por Maria Menezes, que tem pontos no ranking mundial juvenil. A jovem de 15 anos disputa a categoria 18 anos do feminino. Gustavo Schwebel, 16º do ranking das CBT é outro destaque baiano junto com Julia Catalino, 26ª do ranking nacional, ambos disputando as categorias dos 16 anos. Matheus Mascarenhas virá para os 18 anos masculino. A Bahia terá presença de atletas do Costa Verde Tennis Clube e da Winner. Do Costa Verde a quarta ranqueada da categoria 14 anos feminino, Carol Oliveira e Thainá Carvalho, sexta do ranking até 18 anos.

Dentre outros fortes clubes a Sogipa, Associação Leopoldina Juvenil e o Grêmio Naútico União, do Rio Grande do Sul, o Esporte Clube Pinheiros, Clube Paineras do Morumby, Clube Athlético Paulistano, Tênis Clube Paulista, a Sociedade Hípica de Campinas, todos de São Paulo, o Iate Clube de Brasília (DF), Graciosa e Clube Curitibano do Paraná, Minas Tênis Clube, Pampulha Iate Clube e o Praia Clube de Uberlândia, estes de Minas Gerais, o Itamirim Clube de Campo, de Itajaí, o LIC, Lagoa Iate Clube, de Santa Catarina. O atual campeão em Salvador, o Instituto Ícaro, do Paraná, vai tentar o bicampeonato.

"O grande número de atletas e de clubes participantes batendo o recorde do Campeonato Interclubes em parceria com a Confederação Brasileira de Cluber e só nos deixa felizes e entusiasmados para realizar uma grande competição no Clube Bahiano de Tênis que é um dos mais tradicionais do país. Teremos vários dos melhores do Brasil brigando pela maior pontuação para o ranking nacional da Confederação Brasileira de Tênis e atletas baianos brigando por títulos em diversas categorias", disse Duda Catharino Gordilho, presidente da Federação Baiana e diretor do evento.

"Esta é a primeira etapa do ciclo 2018. A Bahia tem tradição no tênis nacional, e o Clube Bahiano é um dos celeiros dos talentos Infantojuvenis no Brasil. O Campeonato Brasileiro Interclubes está se consolidando a cada edição, e os benefícios para técnicos e jogadores são fantásticos. Definitivamente é um passo enorme na massificação do alto rendimento de base”, destacou o presidente da CBT, Rafael Westrupp.

A Confederação Brasileira de Tênis tem o patrocínio dos Correios, Wilson, Peugeot e Companion Sports. Apoio do Comitê Olímpico do Brasil (COB), Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) e Ministério do Esporte. Siga tudo sobre a CBT em www.cbtenis.com.br, www. facebook.com/cbtoficial,www. twitter.com/cbtenis, www. instagram.com/cbtoficial e www .flickr.com/cbtenis.

A 2ª Copa Bahiano de Tênis tem o apoio da Saltur através do vereador Paulo Magalhães, Confederação Brasileira de Tênis em parceria com o Comitê Brasileiro de Clubes e a Federação Baiana de Tênis.