X

Bellucci perde para 286 do mundo no México e correrá risco de deixar o top 200

Quinta, 29 de março 2018 às 23:41:01 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Ausente do time do Brasil da Copa Davis que enfrenta a Colômbia na semana que vem em Barranquilla, Thomaz Bellucci, 135º, foi superado na madrugada desta sexta-feira pelo número 1 colombiano, Daniel Galán, 286º colocado, no torneio de San Luis Potosí, no México.



Leia Mais:

Brasileiro Sakamoto tira favorito e faz quartas no torneio mexicano

 

Bellucci caiu com certa facilidade por um duplo 6/3 após 1h26min de duração diante do tenista que havia precisado de mais de três horas para bater João Souza, o Feijão, que também não vive boas fase e é o 291º.

A derrota fará com que Bellucci perca cerca de nove posições no ranking. Ele defendia 25 pontos do torneio de Miami ano passado. Sua posição será a pior desde novembro de 2013.

Ausente de challenger no Panamá na semana que vem onde só irá treinar, Bellucci corre o sério risco inclusive de deixar o grupo dos 200 melhores no ranking do dia 16 de abril. Ele defende o vice-campeonato do ATP 250 de Houston, nos Estados Unidos, 150 pontos. Caso não some pontos no torneio ficaria apenas com 244 pontos fora dos 220 do mundo e necessitaria pelo menos de quartas de final para não deixar o top 200. A última vez que ele ficou de fora do top 200 foi em 2007 quando ainda surgia como promessa do tênis nacional. 

Desde que retornou do doping em fevereiro, Bellucci vem patinando e não consegue engatar uma sequência positiva tanto em ATPs quanto em challengers. Somando as chaves principais apenas ele ganhou quatro partidas e perdeu seis. Em ATPs ganhou apenas uma em Buenos Aires e em challengers venceu três e perdeu duas.