X

Semifinalista de Miami afirma que chegou a treinar em quadras públicas

Quinta, 29 de março 2018 às 14:00:29 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Pouco se conhecia da americana Danielle Collins até o WTA Premier Mandatory de Miami. Agora, a tenista de 24 anos chamou a atenção do mundo ao superar Venus Williams nas quartas de final do torneio americano.



Nascida na Florida e vinda de uma família de classe baixa, Collins contou um pouco de sua história de sua trajetória até este ponto da carreira. “Não tive uma infância fácil. Minha família não tinha muitas condições econômicas, o que me impediu de treinar em um grande clube. Era habitual que eu frequentasse quadras públicas e jogasse com pessoas mais velhas”.

Sua vitória diante de Venus Williams lhe catapultou definitivamente ao estrelato, mas mesmo com a vitória, Collins mantém os pés no chão. “Desde o início quis fazer valer minha movimentação, que é o ponto forte do meu jogo. Se eu conseguisse me mover rapidamente e correr muito, evitando que ela tomasse a iniciativa, sabia que poderia impor meu ritmo. Quis anular seus pontos fortes”.

Universitária da Universidade de Virgínia, Collins deve seu salto ao profissionalismo à sua vida no ensino superior. “Custa muito dinheiro iniciar uma carreira no tênis assim, então estou muito orgulhosa por ter podido estudar na Universidade de Virgínia e conciliar meus estudos com o tênis”.