X

Soares/Peya e Melo/Knowle vencem e estão nas 8ªs em Wimbledon

Segunda, 30 de junho 2014 às 10:06:43 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
As parcerias dos brasileiros Brunos Soares e Marcelo Melo venceram suas partidas adiadas de segunda rodada na chave de duplas em Wimbledon e ao lado da parceira de André Sá mantiveram o Brasil 100% nas oitavas do torneio. Soares já conhece seus rivais, Melo e Sá aguardam.

Segundos favoritos ao título, Bruno Soares e o austríaco Alexander Peya encontraram certa dificuldade contra a parceria formada pelos talentosos Dominic Thiem, jovem promessa da Austria, e o Martín Klizan, da Eslováquia.

Soares e Peya precisaram de 1h48 para fechar o placar em 7/6 (5) 6/4 6/2. Retomando o placar de 2/1 a favor e saque dos rivais, Bruno e seu parceiro tiveram dificuldades para agredir o serviço dos rivais na primeira parcial, mas no segundo set conquistaram a quebra rapidamente no terceiro game e a administraram. No terceiro e decisivo set a dupla conquistaram quebras no terceiro e quinto game abrindo 4/1 no placar e o fechando rapidamente.

Soares/Peya registrou quatro aces contra dois de Thiem/Klizan, que bateu quatro bolas vencedoras contra sete da segunda melhor dupla do mundo. O mineiro e o austríaco encaram agora os cabeça de chave 14 na parceria do local Jaime Murray e do australiano John Peers.

A parceria de outro mineiro, Marcelo Melo com o austríaco Julian Knowle, cabeças de chave nove do torneio, superaram a parceria do cazaque Aleksandr Nedovyesov e do russo Dmitry Tursunov em 1h38 de partida com o placar de 6/1 7/6 (9) 6/3. Melo/Knowle converteu sete aces a oito dos rivais, bateu 12 bolas vencedoras contra 13 de Nedovyesov/Tursunov que cometeu oito erros não-forçados contra sete da parceria do mineiro.

Melo/Knowle enfrenta os australianos Lleyton Hewitt e Chris Guccione que eliminaram os atuais campeões do Australian Open, o polonês Lukasz Kubot e o sueco Robert Lindstedt.

Classificado no sábado, André Sá e o parceiro, o croata Mate Pavic, aguardam pela definição dos rivais que sai do confronto entre os cabeça de chave oito, o indiano Rohan Bopanna e o paquistanês Aisam Qureshi contra o canadense Vasek Pospsil e o norte-americano Jack Sock.