X

Brasil sem representantes no masculino de Grand Slam após 6 anos

Terça, 17 de junho 2014 às 16:25:24 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Por Fabrizio Gallas - A fase não tão boa do tênis masculino brasileiro foi constatada nesta semana. Pela primeira vez em seis anos e meio o país ficará sem representantes na chave masculina de simples de um Grand Slam. O país terá apenas Teliana Pereira em Wimbledon.

Leia Mais:
Rogerinho e Ghem eliminados na 2ª do quali em Londres

Sem vaga na chave principal, Thomaz Bellucci teve que jogar o quali e junto com ele foram eliminados João Souza, Rogério Dutra Silva e André Ghem.

A última vez que ficamos sem ninguém na chave principal de um Major entre os homens foi no Australian Open de 2008. Desde então pelo menos um representante nacional participou das chaves. Thomaz Bellucci, presença constante do Brasil nos torneios, não esteve em Wimbledon 2009, mas Thiago Alves disputou os quali e fez segunda rodada. Bellucci também se ausentou de Wimbledon e de Roland Garros no ano passado por lesão, mas Rogério Silva esteve nos eventos.

Se no masculino de simples não andamos tão bem das pernas, nas duplas teremos pelo menos três brasucas. Bruno Soares jogará com Alexander Peya, Marcelo Melo com o austríaco Julian Knowle e André Sá com o croata Mate Pavic. Marcelo Demoliner disputa a final do quali ao lado do indiano Purev Raja.