X

Navratilova: 'Isto é Roland Garros, não apostaria contra Rafa'

Quinta, 05 de junho 2014 às 15:29:38 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
A ex-líder do ranking e dona de 18 títulos do Grand Slam, Martina Navratilova, está em Paris para a disputa da chave de "Lendas" em Roland Garros e concedeu uma entrevista ao site árabe-emiradense Sport 360º, onde, dentre outras coisas, falou do favoritismo de Nadal em Paris.

Perguntada se via alguém capaz de para o espanhol Rafael Nadal na busca do eneacampeonato Navratilova pontuou: "Nadal ainda é o favorito, mas eu lhe digo Novak Djokovic está jogando um grande tênis. É difícil encontrar oportunidades em quadra e acho que Nadal está acostumado a encontrar as aberturas com seu belo forehand, mas Novak defende tão bem que é mais difícil para Rafa para encontrar essas brechas".

"Vamos ver como as costas estão, mas ainda assim isto aqui é Roland Garros, então eu não apostaria contra Rafa até que ele perde aqui. Isso só aconteceu uma vez em nove anos, então boa sorte", desejou aos próximos rivais do natural de Manacor.

Para a tcheca as derrotas seguidas de Nadal para Djokovic podem ter afetado um pouco a confiança do espanhol, mas ela lembrou os números de Rafa em partidas de cinco sets. "Seu recorde em melhor de cinco é inacreditável".

Campeã em Roland Garros em 1982 e 1984, Navratilova comentou que é importante para o esporte a mistura de "estrelas e caras novas" nas finais dos torneios, principalmente dos grandes.

"Você precisa de ambos. É bom ver caras novas e uma nova infusão, uma mistura de velho e novo", pontua citando Ernests Gulbis e Milos Raonic como exemplo no lado da chave masculina.

"A nova geração vai encontrar o seu caminho, este pode ser o ano de variação para isso e neste torneio pode realmente surgir alguém para o primeiro plano", opinou. Naratilova aponta Simona Halep e Eugenie Bouchard como exemplos de meninas e finaliza: "Talvez tenhamos muitos velhos, por isso é bom ver a nova geração chegando às finais (dos torneios)".