X

Sensações do Brasil Open caem rapidamente em Buenos Aires

Terça, 19 de fevereiro 2013 às 21:21:33 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Por Ariane Ferreira - As principais sensações da chave do ATP 250 de São Paulo, o Brasil Open, estão de despedindo um a um da chave do ATP 250 de Buenos Aires, na Argentina. Nesta terça-feira, os semifinalistas Simone Bolelli e Martin Alund deram adeus ao saibro portenho.

Em entrevista coletiva, Alund, que de lucky-loser chegou a ameçar Rafael Nadal em São Paulo, confirmou que as condições em São Paulo são completamente diferentes da local: "As condições me São Paulo eram muito diferentes, uma quadra à 800m de altura e em uma quadra muito rápida. Muito rápida para o saibro".

Martin disse que o sucesso no saibro paulistano se deu por sua adptação através do torneio qualificatório, já em Buenos Aires o tenista teve apenas um dia para se adaptar. "Fiz um dia de treino, as quadras aqui estão lentas, não como comumente. Aí hoje, choveu e o tempo fez com que o piso ficasse mais pesado e lento".

Chateado com a derrota para o local Leonardo Mayer, o italiano Simone Bolelli simplesmente concordou com a reportagem do Tênis News quando perguntado se as quadras eram diferentes: "Sim, mas não é justificativa", disse o italiano.

Além deles, o quadrifinalista Filippo Volandri, algoz de Bellucci no Brasil, perdeu na estreia para o russo Andrey Kuznetsov por 7/6 (5) e 6/3. O russo foi eliminado na chave do torneio brasileiro ainda na primeira rodada, pelo argentino Carlos Berlocq.