X

Gulbis acredita no top 20: 'Cortei a bebiba, o fumo e agora acordo cedo'

Quarta, 13 de fevereiro 2013 às 12:51:13 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
O letão Ernests Gulbis, que já esteve entre os trinta melhores, fez semi de Masters 1000 e derrotou Roger Federer, concedeu entrevista ao torneio ATP 500 de Roterdã e admitiu ter cortado vários tipos de vícios para atingir o objetivo de ser top 20 ainda nesta temporada.

Atual número 132 do ranking, Gulbis não disputou o Australian Open este ano, onde jogaria o quali, para se preparar para a temporada. Em Roterdã ele furou o quali e enfrentará Juan Martin Del Potro nas oitavas de final. Sem economizar nas palavras, o tenista fanfarrão destacou um dos motivos pelo qual gosta de estar na Holanda: "Aqui da Holanda eu gosto da maconha que é legal (risos), mas os jogadores não podem fazer isso pois eles são checados pelo doping, mas eu gosto da maneira como eles (holandeses) pensam".

Para atingir sua meta em 2013, Gulbis admite ter cortado outras fanfarronices: "Se você trabalha duro, os resultados vêm, se você não trabalha, eles não chegam. Então não me planejo muito resultado, deixo levar, mas estou aqui pra provar a mim mesmo que posso sem me deixar levar pelo o que os outros pensam. Tenho certeza que vou entrar no top 20 este ano. Acredito que chego lá pois me preparei bem e tirei muita coisa ruim de minha vida como fumar, beber, acordar tarde e treinar pouco".