X

Alves larga na frente, luta, mas leva virada e Brasil volta aos Playoffs

Domingo, 03 de fevereiro 2013 às 21:49:54 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Faltou pouco. Depois da recuperação do Brasil no confronto, Thiago Alves saiu na frente, ficou atrás, lutou muito, mas levou a virada para Sam Querrey e nosso time foi derrotado por 3 a 2 no confronto diante dos Estados Unidos no Grupo Mundial da Copa Davis.

Leia Mais:
Emocionado, Alves ressalta o espírito de luta
Bellucci destaca superação em vitória que empatou duelo
Siga o Tênis News no Twitter!

Alves, 141º colocado do ranking, caiu por 3 sets a 1 diante do 20º e segundo tenista americano com parciais de 4/6 6/3 6/4 7/6 (7/3) após cerca de duas horas e meia de duração.

Com o placar de 3 a 2 em Jacksonville, na Flórida, os americanos enfrentam em casa a Sérvia nas quartas de final em abril e o time brasileiro retorna aos Playoffs para se manter na elite do tênis para 2014. O confronto da repescagem será em setembro e o rival definido apenas em dois meses.

O dia começou com vitória em cinco sets de virada de Thomaz Bellucci, 36º, sobre John Isner, 16º, por 2/6 6/4 6/7 (9/7) 6/4 6/3 após 3h29min e empate no confronto que começou 2 a 0 com facilidade para os americanos no piso rápido e coberto. Na sexta-feira, Alves e Bellucci caíram em três sets para Isner e Querrey respectivamente e no sábadop a dupla Marcelo Melo e Bruno Soares venceu duelo épico em cinco sets contra os irmãos Bryan.

Alves jogou apenas seu segundo confronto de Copa Davis - em 2008 enfrentou a Croácia - e hoje venceu seu primeiro set em jogos melhor de cinco sets na competição.

O jogo

Alves começou o jogo levando bombas de Querrey no saque e na direita, foi quebrado, mas contou com erros e nervosismo do rival para igualar. No 4/4 o americano tornou a errar, Alves manteve a bola funda para quebrar e fechar por 6/4 em 30 minutos.

Querrey passou a ser mais regular e agressivo no segundo set e conseguiu uma quebra decisiva no início. Ele abriu 0/40, Thiago foi buscar, mas brasileiro errou voleio bobo no iguais e cometeu outro equívoco, de revés, perdendo o saque. O americano acertou mais o primeiro serviço, teve quatro set-points na devolução, mas concluiu no quinto por 6/3 em 34 minutos.

O tenista da casa manteve o embalo do set anterior e saiu quebrando cedo no terceiro game ao deslocar o brasileiro. Alves se manteve focado no saque, foi confirmando e aproveitou erros do rival para igualar em 4/4. Mas o paulista errou e Querrey voltou a ficar agressivo e consistente para quebrá-lo e sacar sem sustos para fazer 6/4 em 40 minutos.

Na quarta etapa o brasileiro conseguiu se manter igual no placar até o quinto game quando foi quebrado após bom voleio do americano. Querrey sacou pro jogo no 5/4, teve um match-point, Alves jogou uma bola na linha e com muita raça virou contando com seis erros seguidos do rival. O jogo foi ao tie-break, o brasileiro equilibrou no início, mas Sam foi mais efetivo no saque e nas trocas para finalizar com erro do brasileiro para fechar por 7/6 (7/3).