X

Federer lamenta saída de Nadal do Conselho dos Jogadores

Quinta, 26 de abril 2012 às 09:43:46 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Roger Federer lamentou a saída de Rafael Nadal da vice-presidência do Conselho dos Jogadores da ATP. Apesar disso, o suíço foi diplomático e disse respeitar a decisão do espanhol. O número 3 do mundo assegurou ainda que tem conversado com outros tenistas.

Federer não quis polemizar e apenas afirmou ter respeito pela saída de Nadal: "Rafa deve agir segundo suas próprias motivações" - declarou o tenista, que ocupa a presidência do Conselho.

O suíço admitiu que os dois tiveram opiniões contrárias em alguns pontos: "Tivemos ideias divergentes, mas isso é normal" - declarou.

Federer, que tem recebido algumas críticas por supostamente não defender como deveria os jogadores, se explicou: "Se tivesse reações impulsivas, teria renunciado antes. Às vezes as declarações dos jogadores são espontâneas e excessivas, mas terminam aí. Falei com Sergiy Stakhovsky e com outros jogadores em Indian Wells e Miami e deixei claro meu ponto de vista".

Uma das maiores reclamações dos tenistas é quanto à premiação nas primeiras rodadas. Algumas declarações foram firmes e Federer sugeriu paciência. O tenista se reuniu com diretores dos Grand Slams e enfatizou a importância de remunerar melhor os tenistas derrotados nas fases iniciais. O suíço declarou: "Não podemos impor aos Grand Slams suas políticas de premiação, mas há uma boa evolução nesse sentido" - encerrou.