X

Ferrer e López acenam breve aposentadoria

Quarta, 25 de abril 2012 às 18:36:21 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Após suas partidas de estreia no saibro de Barcelona, os espanhóis tricampeões da Copa Davis, David Ferrer, 6º do mundo, e Feliciano López, atual 16º do mundo, acenaram para uma possível aposentadoria nas próximas temporadas.

Enquanto tentam manter-se entre os quatro melhores espanhóis do ranking mundial para disputarem diretamente o ouro olímpico em Londres, Ferrer e López, mesmo exibindo boa forma física, já pensam em encerrar a carreira.


O primeiro a comentar sem muito alarde o fim de sua carreira foi Ferrer. Aos 30 anos, o natural de Javea, que tem muito de seu jogo no físico, começa a perder para o corpo, e há duas semanas deixou o posto de quinto melhor tenista do mundo, sustentado por ele há dois anos. Durante a coletiva de imprensa, enquanto comentava a importância do torneio, David afirmou que vencer seria o ápice final de sua carreira. "É um torneio muito especial pra mim, e me deixa muito esperançoso. Pra mim "Godó" (como chamam o torneio na Espanha) é prioridade e ganhar aqui seria o ápice final de minha carreira".

Já Feliciano López comentou ainda em quadra, logo após a vitória diante de Flavio Cipolla. Em entrevista a TVE, López também de 30 anos respondeu o questionamento da jornalista sobre ter em 2012 sua melhor colocação no ranking mundial, iniciou o ano como 15 do mundo, e da necessidade de manter este rendimento para ir a Londres. "Iniciei muito bem no ranking este ano e tenho que aproveitar, pois com a minha idade, que avança mais e mais, minha carreira não deve se extender tanto".

Importantes nos últimos títulos da Copa Davis para Espanha, os dois tenistas contam com a torcida espanhola para que alcancem medalha em Londres, segundo levantamento do site do jornal Mundo Deportivo de Barcelona.