X

Capitão confiante no saque de Bellucci e Feijão

Quarta, 04 de abril 2012 às 09:48:25 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional
Após os primeiros dias de treinamento no Harmonia Tênis Clube, em Rio Preto, a equipe brasileira demonstrou confiança para o confronto com a Colômbia pelo Zonal Americano da Copa Davis e o capitão João Zwetsch ressaltou a força do time para sexta-feira.

“Esperamos um confronto muito difícil e a fase deles é muito boa, mas tenho plena convicção que a nossa equipe é mais forte que a deles”, afirma o capitão João Zwetsch em entrevista coletiva oficial do confronto, realizada nesta terça-feira no Harmonia Tênis Clube.

O capitão da equipe brasileira considera o saque como um fator que pode ser decisivo para os tenistas brasileiros diante da Colômbia, o que justifica o fato de o Brasil ter escolhido a altitude de São José do Rio Preto para o confronto. “As condições de jogo favorecem a quem saca bem. O Thomaz tem um saque potente e pode levar vantagem, assim como o Feijão. Os colombianos não têm um saque tão bom, eles são fortes nas devoluções”, explica Zwetsch.

Principal jogador da equipe brasileira, Thomaz Bellucci ressalta a importância do saque para o confronto, o que é um fator positivo diante dos colombianos. “Todos nós sacamos bem, as condições estão boas e a quadra está bem rápida”, completou Thomaz Bellucci, tenista número 1 da equipe brasileira. "Jogar em casa é sempre uma energia extra e tenho saído confiante dos últimos confrontos", completa Bellucci.

O clima e a velocidade da quadra agradaram aos tenistas brasileiros, que contam com o local Thiago Alves como mais um fator para ajudar na adaptação antes das partidas.

“Não ouvi a voz do Thiago essa semana”, brincou Zwetsch com a rouquidão do tenista rio-pretense, que está com a garganta inflamada. “Ter o Thiago na equipe sempre ajuda. Ele veio como reserva para o caso de algum dos titulares ter algum problema, mas colabora muito nos treinos. Sabemos que pode jogar contra qualquer um e está voltando com condições de evoluir e voltar ao top 100”, completa o capitão.

O duplista Bruno Soares, que volta a jogar ao lado de Marcelo Melo na Copa Davis, destaca a força da dupla colombiana formada por Juan Sebastian Cabal e Robert Farah. Soares enfrentou a parceria neste ano pela semifinal do Brasil Open e precisou virar uma partida complicada para sair vencedor.

"Eles contam com uma dupla muito forte, fizeram um grande jogo no Brasil Open e são perigosos. Acho que os últimos resultados que tive após o Brasil Open não atrapalham para o confronto", completou Bruno Soares.